A importância de um serviço de manutenção correcto

By on 18 Fevereiro, 2022

Todos sabemos que precisamos de manter as nossas motos, mas será que sabemos realmente o que é preciso, o que fazer, e o que procurar, antes de nos dirigirmos a uma oficina?

Um serviço de manutenção correcto é um ‘seguro de vida’ para a moto. O objectivo de um serviço de oficina é manter a moto a funcionar correctamente, especialmente porque muitos motociclistas não gostam de fazer nenhuma das suas próprias manutenções, ou muito pouco. No entanto, ainda que o faça, é sempre bom que alguém especializado – um mecânico amigo ou a sua oficina habitual – verifique periodicamente o estado da sua moto, impedindo que quaisquer problemas se tornem maiores. Antes de levar a sua moto para a oficina, faça uma lista com os ítens que acha que precisam ser revistos, para não ter surpresas quando lhe apresentarem a conta.

Pense na manutenção preventiva, e na substituição de peças desgastadas antes de estarem completamente gastas – por exemplo, não desleixando o óleo gasto até o motor estoirar!

MOTOR

Saiba que existem diferentes níveis de manutenção numa oficina, dependendo do que se pretende. Desde serviços mais simples, como uma mudança de óleo e filtro, a outros mais aprofundados que incluam a verificação de folgas de válvulas, velas de ignição, filtros de ar e até componentes da parte-ciclística.

Antes de partir para uma viagem, pense que antes do fazer deve verificar o estado da moto. Uma revisão detalhada feita por alguém conhecedor, poupa-o a surpresas inesperadas e permite-lhe com partir mais confiante em direção ao destino que traçou.  

Um serviço completo no motor significa substituir o óleo e o filtro, colocar um novo filtro de ar, novas velas de ignição, e verificar as folgas das válvulas. Pode ainda ser alertado pela sua oficina para a necessidade de mudar a embraiagem porque está gasta, o que é uma operação que não é barata, e por isso deve ser você a autorizar essa mudança. Por norma, a oficina também deve verificar e ajustar a corrente e a tensão, juntamente com a substituição do líquido refrigerante.

Embora nem todos os manuais de serviço dos fabricantes coincidam, saiba que é sempre aconselhável mudar os fluidos de dois em dois anos – e sem um serviço regular na moto, muitos tendem a esquecer esse pormenor.

CICLÍSTICA

E quanto aos componentes que envolvam o quadro, como a suspensão e travões, que cuidados deve ter a oficina para com a sua moto?

Claro que deve ser verificado o quadro e sub-quadro, observando se não existe algum empeno ou rachadura, mas o trabalho principal vem da lubrificação dos rolamentos. Desde os rolamentos da cabeça de direção, até aos rolamentos das rodas, rolamentos do braço oscilante, e assim por diante. No que respeita à suspensão, não há muitos fabricantes que tenham um limite de tempo para o óleo da forquilha – embora este se desgaste e possa mesmo haver perda de óleo pelos vedantes. Assim, embora um serviço regular não inclua a verificação e troca de óleo das bainhas, recomendamos que seja feito.

No que respeita aos travões, um bom serviço de manutenção implica retirar as pastilhas, verificá-las e limpá-las. As pastilhas de travão são sujeitos a muitos abusos, travagens fortíssimas, detritos e poeiras, por isso é melhor mantê-las devidamente limpas e em pleno funcionamento. Devem ser verificadas regularmente, mas muitas pessoas não o fazem; em serviços maiores as oficinas também verificam e mudam se necessário o líquido dos travões.

A DATA DA REVISÃO

Muitas oficinas aconselham como melhor data para um grande serviço, o final do ano. As oficinas de motos estão normalmente mais calmas durante o Inverno, por isso é o período preferivel. Pouco antes do Verão, quando praticamente todas as motos saem da garagem, é certamente a pior altura.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments