EICMA 2021: Mobilidade elétrica em força no Salão de Milão

By on 21 Outubro, 2021

Na Exposição Internacional, em Milão, de 23 a 28 de novembro, os veículos de duas rodas com emissão zero serão os protagonistas: não apenas motos e scooters elétricas, mas até mesmo e-bikes.

A presença em massa de motos e scooters eléctricas , bem como de e-bikes será uma realidade no regresso do EICMA em 2021. Na verdade, não só a mobilidade de zero emissões será um dos pontos fortes certamente na exposição que decorre de 23 a 28 de novembro em Milão, mas também a presença de muitas empresas e negócios ligados ao setor das duas rodas, como por exemplo as marcas de acessórios.

AS MARCAS “ELÉTRICAS” PRESENTES

SUPER SOCO CUMINI, A MAIS ACESSÍVEL

Entre as marcas de veículos elétricos mais importantes estão a Zero Motorcycle, Vmoto Soco, Niu, Cake, Ox Motorcycles, Yadea, Ottobike, Soriano Motori, Wayel, Revolt, Horwin, Verge Motorcycles, ThunderVolt, Next Electric Motors, Tromox, Garelli, Wow e muitos mais.

Uma presença cada vez mais importante em virtude do crescimento contínuo do mercado nos últimos dois anos. Se em 2020 o mercado global de duas rodas cresceu cerca de 84,5% em relação ao ano anterior, 2021 segue na mesma tendência, com um aumento de mais de 5% nos primeiros nove meses. E que melhor vitrine para a indústria elétrica do que a 78ª edição do EICMA?

LEAF D50 O MAIS PEQUENO CICLOMOTOR ELÉTRICO
A NORTE-AMERICANA VERGE TS

As E-bikes também terão uma palavra a dizer no EICMA 2021 , um sector que vive um momento de ouro no mercado europeu onde cresceu dois dígitos nos últimos anos.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments