Bridgestone Techsyn: Mais durabilidade e menos emissões de carbono

By on 3 Março, 2021

A Bridgestone, Arlanxeo e Solvay, produziram em conjunto um novo tipo de borracha para utilização em pneus de veículos motorizados chamada Techsyn, anunciando que melhora a longevidade do pneu e reduz as emissões de carbono.

A nova tecnologia resulta de um trabalho de colaboração entre as três partes e apresenta um novo tipo de borracha sintética que é depois colada à sílica a um nível molecular. O novo composto é alegadamente 30% mais resistente ao desgaste do que os pneus convencionais, ao mesmo tempo que oferece 6% menos resistência ao rolamento do que um pneu convencional.

E A ADERÊNCIA?

Isto pode parecer uma receita para perder o controlo, especialmente num veículo com a sua mancha de contacto mais pequena – caso de uma prática scooter urbana – mas a Bridgestone afirma que não é esse o caso. Quando testada contra a gama de pneus de Verão da Bridgestone, a nova borracha Techsyn foi reportada como não tendo impacto negativo na aderência, tanto em condições húmidas como secas.

Relata-se que a Bridgestone está a preparar os novos pneus para a produção em massa, com uma variedade de veículos em linha para receber os novos aros de alta tecnologia.

DESEMPENHO SUSTENTÁVEL

A Techsyn é na prática uma nova plataforma tecnológica desenvolvida em conjunto, que permite aos pneus oferecer uma resistência e desempenho ambiental incomparáveis. Esta permite que os pneus alcancem até 30% melhor eficiência no desgaste e uma resistência ao rolamento que é reduzida até 6%, em comparação com outros produtos convencionais de verão da Bridgestone EMIA4, sem comprometer quaisquer outras áreas de desempenho.

Com o objetivo de garantir menor perda de material de desgaste do pneu, o foco extra foi direcionado para melhorias de desempenho no desgaste dos pneus durante o seu  desenvolvimento. Como resultado dessas melhorias, a nova tecnologia aumenta o desempenho sustentável dos pneus, reduzindo o consumo de combustível e as emissões de CO2 e melhorando a quilometragem do piso do pneu.

A durabilidade prolonga a vida útil projetada dos pneus feitos com esta tecnologia até 30%3, para que em última análise resulte num pneu que precisa de ser trocado com menor frequência e reduz o consumo de matéria-prima a longo prazo.

Sobre este anúncio, Laurent Dartoux, Presidente e CEO da Bridgestone EMIA afirmou: “Na Bridgestone, acreditamos fundamentalmente que a inovação revolucionária e o futuro da mobilidade não podem ser alcançados sem colaboração. A parceria na qual a TECHSYN está enraizada, evoluiu para se tornar uma das mais exclusivas de que já fizemos parte. Como líder global em soluções avançadas e mobilidade sustentável, estamos a avançar com inovação e sustentabilidade no centro de tudo o que fazemos na Bridgestone. Através do desenvolvimento de soluções voltadas para o meio ambiente, como a TECHSYN, estamos a fazer um grande progresso na concretização dessa ambição.”

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x