Em viagem que pressão devemos colocar nos pneus da moto ?

By on 2 Agosto, 2019

Claro que a resposta certa pode ser obtida com facilidade no manual da moto…. Mas como muitas vezes ou não temos o manual à mão ou não sabemos onde anda, então há que seguir alguns princípios que podem definir uma margem de segurança à hora de verificar a pressão dos vossos pneus.

Para já é importante definir algumas variáveis que podem condicionar a quantidade de pressão dos pneus. A temperatura é importante, seja exterior seja do próprio asfalto, já que a primeira condiciona a segunda. Depois se vais viajar sozinho ou acompanhado e se levas contigo bagagem, o que significa peso adicional.

Dois princípios básicos: mais peso mais pressão e mais temperatura menor pressão. Deverás por isso medir a pressão em frio, antes de arrancar, com e sem bagagem e depois de rodar um pouco medir também a quente se possível com bagagem e carregada, se for o caso, com os dois em cima da moto, terás que solicitar ajuda.

Importante não fazer caso da pressão que eventualmente vai indicada na superfície do pneu pois essa é a pressão máxima indicada pelo fabricante que o pneu aguenta. Por uma questão de segurança e para terem um referência sempre idêntica é melhor levarem convosco um pequeno manómetro de medição de pressão, mecânico ou digital.

No caso de não saberes nem teres acesso a informação do fabricante sobre a pressão ideal nas diferentes situações, poderás seguir os valores médios normalmente aconselhados para pneus de estrada com rodas de 17” que oscilam entre as seguintes pressões:

  • Para o pneu dianteiro a pressão poderá variar entre os 2.2 e os 2.5 bar
  • Para o pneu traseiro a pressão poderá variar entre os 2.4 e os 3 bar

Ou em PSIs podem seguir esta tabela:

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!