AFRICA TWIN ADVENTURE SPORTS ES 2020 – ELECTRONIC SUSPENSION

By on 11 Outubro, 2019

Para 2020 a Honda apresenta uma nova Africa Twin com o já anunciado aumento de cilindrada ( Ver aqui ) mas vai mais longe pois na sua topo de gama Adventure Sports agora estará também disponível uma versão ES que significa Etectronic Suspension.

Para além da maior potência e do menor peso conseguido na nova Honda Africa Twin também a sua ciclística vai agora beneficiar de suspensões electrónicas, melhorando a sua pilotagem e desempenho offroad.

Esteticamente houve também alterações e a nova Africa Twin Adventure Sports revela uma frente mais ergonómica com 4 faróis de tecnologia LED, dois de dimensão menor sob os principais que permitem aumentar a visibilidade lateral. O depósito vê a sua capacidade aumentada para 24,8 litros o que confere maior autonomia à Africa Twin. Os piscas estão agora numa posição mais alta e  protegida para evitar que se possam danificar numa qualquer caída.

Na frente da Adventure Sports temos um écran de dimensões mais altas do que no modelo standard, com um desenho do tipo Rally. A versão Adventure Sports conta com aquecimento de punhos de origem assim como proteções bastante envolventes e que fazem derivar o vento, o frio e a chuva dos punhos da moto e das nossas mãos.

Um novo painel TFT a cores de 6,5” com “touch screen” equipa agora a nova Africa Twin, dividido em 3 secções, fornece toda a informação necessária e permite interligar com o interface Apple Carplay via bluetooth podendo explorar de uma série de funcionalidades através do nosso smartphone.

O assento estreito na zona frontal para facilitar a pilotagem de pé, é regulável em altura e permite optar por duas alturas entre os 87cm de altura ao chão e os 85cm. A posição de pilotagem sentado é direita com os braços naturalmente estendidos sobre os punhos usufruindo de um guiador alto que facilita ainda uma perfeita pilotagem em pé. Os pisa-pés são de dimensão considerável e com uma boa aderência garantindo conforto e controle em qualquer circunstância. Na parte posterior do assento encontramos uma estrutura em alumínio de porta-bagagens, `altura da parte posterior do assento, que facilita a colocação de qualquer saco, e permite ainda que o pendura se possa segurar.

O quadro foi redesenhado para a versão 2020, perdeu peso e ganhou rigidez, sobretudo ao nível da cabeça de direção garantindo maior resistência a impactos e maior desempenho nas mudanças de direção. O sub-quadro é desmontável e mais estreito o que contribui para uma imagem mais fluida da traseira. O braço oscilante este ano é o mesmo que monta a Honda CRF450R permitindo baixar em 500 gramas o seu peso.

As suspensões dianteiras invertidas da Showa são ajustáveis electronicamente e a leitura do terreno é feita em tempo real sendo os ajustes realizados de forma automática para garantir um desempenho máximo em todo-o-terreno.

A mesma unidade de medição IMU controla também o ABS e ajusta o mesmo em curva garantido maior segurança na condução. Adicionalmente a Honda inclui dois modos de condução, On-Road e OffRoad, para lém de uma função de anti levantar da roda traseira ( anti-éguas ). A nível da electrónica inclui ainda sistema anti-wheelie ( anti-cavalinho ) e 4 modos de motor pré-configurados para além de dois extra personalizáveis.

A travagem é assegurada por pinças Nissin de 4 pistons e discos de 310mm na dianteira. Atrás o disco é de 256mm e conta com uma pinça de apenas um piston. As rodas raiadas contam com pneus de 90/90-21” na dianteira e 150/70-18” na traseira com eixos ocos para diminuir o peso suspenso.

O motor tem agora 1.084cc, mantém a configuração de 2 cilindros em linha, arrefecimento líquido, 4 válvulas por cilindro e apenas uma árvore de cames SOHC, com admissão vertical e acelerador Ride by Wire. A cambota a 270º confere um som característico ao motor e garante maior tração em terrenos mais soltos pois o impulso do motor à roda traseira é mais espaçado.

A potência é agora de 101 HP ( + 7 HP que o anterior ) às 7.500 rpm e um binário de 105 Nm às 6.250 rpm. A caixa manual é de 6 velocidades e existe ainda a versão DCT com caixa automática e embraiagem dupla também com 6 velocidades.

PVP’s

CRF1100L Africa Twin Adventure Sports ES 2020          17.900 €*

CRF1100L Africa Twin Adventure Sports ES DCT 2020   19.000 €*

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!