Herald Brute 500 2022: Scrambler com charme ‘à inglesa’

By on 7 Junho, 2022

A Herald Motorcycles é uma marca do Reino Unido, que começou por colocar no mercado pequenas motos de 125 e 250cc, mas que em 2018 deu um gigantesco com o projeto Concept Brute que finalmente se torna realidade. A nova Brute 500 é uma moto com genoma de scrambler, ao mais puro estilo das motos inglesas.

Constituída em 2010 e fazendo parte do grupo empresarial Encocam, a Herald Motorcycles nasceu com o intuito de comercializar motos de pequena cilindrada com estilo neo-retro e scrambler. A fórmula é a mesma utilizada hoje pela maioria dos fabricantes do velho continente. Ou seja, design europeu e fabrico na China.

A empresa tomou a Concept Brute como a sua primeira moto “britânica autêntica” em 2018. A empresa diz que é a sua primeira moto concebida, projectada e fabricada em solo inglês. Agora, quatro anos volvidos, o modelo de produção Herald Brute 500 entra finalmente no mercado do Reino Unido.

Motor Fantic 500

Quem a descobriu foram os nossos colegas da Bike Dekho. O que mais se destaca nesta moto é, por um lado, o seu baixo peso final de apenas 145 kg, montando o motor da atual Fantic Caballero 500, obra do gigante asiático chinês Zongshen. Estamos a falar de um monocilíndrico de 449 cc, refrigerado a água e associado a uma caixa de seis velocidades, capaz de oferecer uma potência final de 43,5 cv. Colocando estes dados  ao lado por exemplo de uma Benelli Leoncino 500, esta última pesa na balança mais 62 quilos que a Brute 500. A ideia ambiciosa da Herald Motorcycles foi conciliar o peso de uma 125 com a potência da maioria das monocilíndricas de 500cc no mercado. O conjunto completa-se com uma peça de ciclo que acompanha as virtudes do seu motor, onde se destaca o seu quadro tubular em aço. O amortecimento está cargo de uma forquilha com bainhas invertidas à frente e um monoamortecedor traseiro regulável.

Scrambler de estrada

Com um design moderno e apelativo, podemos concluir que a Herald Brute 500 é uma moto com o charme das motos da Ilha de Sua Majestade, com um perfil aproximado de uma cafe racer – como o fabricante a prefere chamar – mas que na nossa opinião fica muito mais próximo de uma scrambler, caso montasse pneus de tacos para offroad e rodas de diferentes tamanhos, que no caso da Brute 500 são de 17 polegadas, calçadas com pneus de estrada. Outros dados de interesse são, por exemplo, os 835 mm de altura entre a base do assento e o solo, ou os 13,5 litros de combustível que o seu depósito pode conter.

A Brute 500 possui tecnologia de última geração, como podemos discernir se observarmos o seu painel de instrumentos, composto por uma tela digital LCD, ou a sua iluminação Full-LED, onde se destaca o seu farol dianteiro circular de estilo retro. Curiosamente, nesta moto não existe o ABS, visto que no Reino Unido não são obrigados a montar esse sistema repartidor de travagem, como acontece na União Europeia.

A Herald Brute 500 está a ser comercializada no Reino Unido por um preço final de 6.950 libras, o equivalente a cerca de 8.130 euros.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments