Honda CB300R 2022: O passo intermédio que faltava

By on 24 Janeiro, 2022

Com a introdução da nova CB300R, a gama Neo Sports Café da Honda subiu para quatro as propostas disponíveis. Inserida no segmento médio com um moderno motor monocilíndrico adaptado ao Euro 5, o novo modelo conta como as sua irmãs maiores, com moderna tecnologia e uma imagem agressiva e desportiva. Uma boa solução para o dia-a-dia!

Em 2022, a nova CB300R junta-se às suas ‘irmãs’ CB1000R, a CB650R e CB125R, vindo assim completar a exclusiva gama de modelos naked Neo Sports Café da marca japonesa. Na mira do novo modelo está um público ávido de emoções, formado por condutores jovens e outros mais experientes que neste caso podem contar com recentes tecnologias como a forquilha Showa SFF-BP (41 mm) e o sistema de travagem com ABS controlado por unidade de inércia IMU. A isto soma-se a disponibilidade de quatro nova cores muito atuais.

Leve e competente para a cidade

O novo modelo Honda com apenas 144 kg de peso em ordem de marcha, apresenta um motor DOHC muito responsivo – uma unidade de 286cc arrefecida por líquido e que está em total conformidade com as normas Euro 5, produzindo um pico de potência de 22,9 kW (31 cv), com um binário máximo de 27,5 newtons metro. A adição de uma embraiagem assistida com função deslizante, permite engrenar as mudanças com a maior das suavidades, gerindo os “saltos” da roda traseira nas reduções rápidas e nas travagens fortes. Tudo isto a torna numa boa solução urbana, ainda por cima com tecnologia à altura.

O quadro é uma mistura de aço prensado e tubular e oferece um excelente equilíbrio com feedback muito bom. E, tal como as suas irmãs maiores, a CB300R também possui uma forquilha invertida (USD) SFF-BP com 41 mm de diâmetro, oferecendo melhor sensibilidade, maior capacidade de absorção das irregularidades e excelente controlo.

A pinça radial dianteira tem 4 êmbolos, o disco é do tipo flutuante sem cubo, o ABS é controlado por unidade IMU e os pneus são radiais; tudo isto aumenta as caraterísticas da CB300R, juntando-se o guiador cónico de espessura variável em aço, o painel de instrumentos LCD atualizado e a iluminação toda por LEDs.

A CB300R vai estar disponível na nova cor Amarelo Pérola Dusk e também em Azul Mate Pérola Agile, que vêm complementar o discreto Preto Metalizado Mate Gunpowder e o Vermelho Candy Chromosphere.

A estimativa de chegada ao nosso país da nova CB300R foi-nos indicada pelo importador para os meses Maio/Junho de 2022.

Neo Sports Café, reinterpreparação moderna das café racer

A gama de modelos Neo Sports Café da Honda é uma reinterpretação moderna dos modelos café racer de outrora, com um tema de design bem definido e representação pelas palavras “Mechanical Art”, originário no estúdio de R&D da Honda em Roma, Itália. Com uma engenharia superior, toques clássicos e técnicas de fabrico da mais recente geração, este é um conceito que atribui uma atitude familiar, mas muito própria a cada modelo.

A “rainha suprema” da gama Neo Sports Café é a CB1000R. Na sua mais recente atualização, em 2021, a CB1000R apresenta um estilo minimalista e objetivo, “deslocado para a frente”, com um motor muito entusiasmante, derivado do que podemos encontrar na Fireblade. A CB1000R Black Edition aumenta ainda mais esta postura forte, complementando as novas linhas com um visual “personalizado” e feito à mão, graças ao esquema cromático Preto Deep Graphite e à moldura do farol também de cor preta, bem como o visor diminuto, as colunas da forquilha, tampas do radiador, tampas da caixa do filtro do ar, escape e detalhes do silenciador. A CB650R, que, para 2022, recebeu um esquema cromático novo denominado Prata Metalizado Sword, dá continuidade ao apelo que esta gama tem, oferendo um motor tetracilíndrico muito vivo e de média cilindrada.

Para quem está agora a começar, a CB125R (que, em 2021, recebeu um novo motor DOHC de 4 válvulas e uma forquilha SFF-BP) é a opção natural de escolha.

Ficha técnica

Modelo: Honda CB300R

Motor: monocilíndrico 4 tempos, duplo ACT e 4 válvulas, refrigerado a água, Euro5

Cilindrada: 286 cc

Diâmetro x curso: 76 x 63mm

Taxa de compressão: 10,7 para 1

Potência: 22,9 kW @ 9.000 rpm (95/1/EC)

Binário: 27,5 Nm @ 7.750 rpm (95/1/EC)

Capacidade de óleo: 1,8 litros

Alimentação de combustível: injeção eletrónica PGM-FI

Capacidade de combustível: 10 litros

Consumo médio (WMTC): 3,31 l/100

Embraiagem: Multidico em banho de óleo, deslizante

Caixa: 6 velocidades

Quadro: Treliça mista/aço prensado

Suspensão dianteira: garfo telescópico invertido Showa SFF-BP ø 41 mm, curso 130 mm

Suspensão traseira: monoamortecedor Pro-Link com ajuste de pré-carga em 5 estágios, curso de 107 mm

Travão dianteiro: Disco flutuante tipo pétola único ø 296 mm com pinça radial Nissin de 4 pistões e pastilhas de resina, antibloqueio ABS

Travão traseiro: Disco hidráulico único ø 220 mm com pinça de pistão único e pastilhas de resina, antibloqueio ABS

Pneu dianteiro: 110/70R – 17M/C 54H

Pneu traseiro: 150/60R – 17M/C 65H

Dimensões (C x L x A): 2012 x 802 x 1052 mm

Distância entre eixos: 1352mm

Ângulo de caster: 24,7°

Trail: 93mm

Altura do assento: 799 mm

Distância ao solo: 151mm

Peso em ordem de marcha: 144 kg

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments