Mahindra ‘promete’ o regresso da BSA em 2021

By on 29 Dezembro, 2020

Em 2016, um grupo indiano comprou os direitos de marca internacional da antiga fabricante britânica BSA. Dois anos depois, as primeiras novas motos da BSA deveria estar a rolar, o que não aconteceu. Agora, o ano de 2021 é considerado como o ano de regresso. Será desta?

Birmingham Small Arms Company era realmente o nome, mas ficou conhecida pela sigla BSA. Com a sua ‘Estrela de Ouro’ de um único cilindro, construída até a década de 1960, a marca britânica tornou-se mundialmente famosa antes da extinção no início da década de 1970.

No final de 2016, o Grupo Indiano Mahindra, através da sua subsidiária Yezdi, comprou os direitos de marca da BSA e anunciou que iria novamente construir motos com o seu nome e lançá-las internacionalmente. Na época, dois anos foram mencionados como o período de regresso da BSA à vida. Em agosto de 2019, Yezdi anunciou “um retorno” com um post no Instagram. Mas nada aconteceu!

CONSTRUIDA EM INGLATERRA E COM VERSÕES ELÉTRICAS

Agora, Anand Mahindra, bilionário indiano e presidente do Grupo Mahindra, redefiniu os planos de regresso numa entrevista ao jornal britânico The Guardian. A BSA deve ser lançada em 2021, com produção no Reino Unido. No momento, ainda há incertezas devido ao Corona e Brexit, mas o plano em si permanece. Primeiro, a BSA deve recomeçar com motos com motores a combustão, para depois mais tarde orientar a produção para motores elétricos. “Mais tarde”, significa o final de 2021 e a Mahindra em breve começará a construir um local de pesquisa e desenvolvimento em Banbury.

MAIS DE 200.000 FUNCIONÁRIOS

A Mahindra não é, de forma alguma desconhecida no mundo das motos. Desde 2011, a empresa com sede em Mumbai vem lançando com sucesso sua própria equipa no Campeonato Mundial de Moto3. Na Índia, a Mahindra é um dos grandes nomes como fabricante de carros, motos, máquinas agrícolas e aeronaves.

O Grupo emprega mais de 200.000 pessoas em todo o mundo (em comparação, a BMW tem 122.500 funcionários em todo o mundo). Paralelamente à compra da BSA, a Mahindra também adquiriu os direitos de licenciamento da marca checa Jawa. Os primeiros novos modelos Jawa já estão disponíveis para compra. A divisão de motos e scooters da Peugeot também faz parte do portfólio da marca indiana.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x