Milhares em manifestação nacional

By on 3 Fevereiro, 2019

A manifestação foi convocada pelo Grupo Ação Motociclista para protestar contra o IUC excessivo das motos, discriminação nas portagens e alto custo dos combustíveis. A iniciativa reuniu duas caravanas, uma a ter início no Porto, outra a Sul em Almodovar, cerca das 9:30 deste Domingo. As duas foram incorporando mais participantes pelo caminho à passagem pelas respetivas localidades e quando chegaram à capital pelas 14:30 numeravam já muitas centenas de motos, que se reuniram nos Restauradores e “entornaram” pelas pracetas da Av. da Liberdade acima, quando já não cabiam na Praça central.

Segundo comunicado do GAM “são de louvar todos aqueles que, uma vez mais, de forma espontânea, cívica e consciente, compreendem a importância destas ações marcando por isso presença ativa no exercício da defesa dos direitos e liberdades que são de todos nós.”

Falando pelo GAM, António Manuel Francisco disse que pretendia “em particular sensibilizar a Administração Interna, a comunicação social e o povo em geral para as injustiças de que somos alvo, injustiças que acabam por penalizar toda a sociedade portuguesa.” As motos presentes ostentavam palavras de ordem como “Classe 5 para Motos” “Mobilidade é economia” “Não à exploração das Portagens” “Não `exploração do IUC” e outras. Tudo decorreu ordeiramente e os manifestantes acabaram por começar a dispersar cerca das 16:00…

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!