RSD Dakar GS 86, o reviver de uma era inesquecível

By on 25 Setembro, 2020

ESTA MOTO EXTRAORDINÁRIA É A ROLAND SANDS DESIGN (RSD) DAKAR GS. COMEÇOU A VIDA COMO UMA BMW R 1200 GS DE 2008, QUE PERTENCIA A UM CLIENTE QUE QUERIA MELHORAR AS SUAS AVENTURAS POR CAMINHOS FORA-DE-ESTRADA.

Isso levou Roland Sands a pensar na GS de 1986, construído pela HPN e como a qual correu o bicampeão do Dakar Gaston Rahier. A partir daí, a inspiração fluiu.

A sua equipa sabia que teria de trocar as suspensões da GS, mudando o garfo telescópico de 41 por um outro garfo maior de 45 mm, ou seja, aplicando a forquilha Öhlins de uma Honda Africa Twin. Mas claro, como deve imaginar, fazer uma mudança como essa implicaria também outras coisas. Logo, a equipa da RSD foi obrigada a ir buscar o triangulo frontal do quadro de uma R Nine T 2018, para fazer tudo coincidir e unir-se na perfeição.

Um pouco de personalização aqui, alguns ajustes aleatórios ali, e logo, o projeto começou a tomar forma na geometria do quadro segundo as indicações da RSD, na prática, muito idênticas à enduro HP2 da BMW.

Um guarda-lamas original e um depósito de uma GS de 86, e muita personalização adicional, eram os fundamentos básicos, a lista com notas de alterações era cada vez maior, com muitas peças instaladas provenientes da própria RSD.

No entanto, a GS Dakar réplica da moto do belga Rahier, de modo algum ficaria completa sem as cores originais, evocando uma era onde a publicidade ao tabaco estava em todo o desporto motorizado. Desse aspeto tratou a equipa de personalização da Air Trix.

E na verdade, para celebrar o lançamento desta moto muito especial, a RSD também aproveitou para “reutilizar” o design da moto associada à Marlboro, criando um merchandising específico (camisolas, isqueiros bonés, etc.) e alusivo à GS oficial da BMW no rali Dakar de 86.

Apesar de tudo… a moto é bem mais interessante!

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x