Yamaha R7: Nova desportiva média a tomar forma para 2022

By on 14 Março, 2021

As motos desportivas de volume médio ganham cada vez mais terreno no mercado, e a Yamaha não parece indiferente a isso, sobretudo desde o desaparecimento da YZF-R6 que desde o final de 2020 deixou um espaço vazio entre a R3 e R1 na gama de desportivas de Iwata. A foto que vemos acima é uma renderização do designer britânico Kardesign.

Rumores de uma nova desportiva com o motor CP2 de 689cc de dois cilindros paralelos da MT-07, acentuaram-se depois da japonesa Young Machine ser a primeira publicação a acalentar essa possibilidade. Agora, as últimas notícias dão conta que o fabricante japonês re-inscreveu o nome YZF-R7 – designação do lendário modelo Yamaha de homologação Superbike de 1999 (YZF-R7 OW 02) – nos relatórios obrigatórios CARB, departamento dos EUA que trata da classificação dos gases de escape e emissões para um novo modelo. 

A impressionante Yamaha YZF-R7 OW02 de 1999 homologada para o WSBK

A confirmar-se isto, pode muito bem significar o regresso já em 2022 com uma desportiva média para enfrentar e que se apresentaria com rival da Aprilia RS 660 – modelo desportivo de rua que está a ter uma excelente receptividade no mercado.  

Obviamente, a forma como a nova R7 será desenvolvida permanece no segredo dos deuses, mas, dado que dentro da documentação divulgada pelo organismo norte-americanos consta o mesmo nível de emissões da MT-07, podemos quase de certeza confirmar que o motor será o mesmo da naked, CP2 que atualmente anuncia uma potência máxima de 73,4 cv / 54 kW a 9000 rpm e já aprovado para o Euro 5.

Exemplo da reconversão de uma MT-07 para uma desportiva de categoria média pelo preprador americano Andy Palmer

A nobre linhagem das desportivas “R”, das quais a R7 de 1999 representou a expressão máxima de uma desportiva, poderá assim em breve voltar mas assumida numa desportiva média que reconquistaria muitos fãs da marca dos diapasões. 

UM EXEMPLO:

KITS DE RECONVERSÃO PARA A FZ-07 E MT-07

Andy Palmer tem uma vantagem de seis anos sobre esta ideia. Desde 2015 o preprador da California vem construindo desportivas médias em pequenas séries. Tudo começou com o lançamento da FZ-07 em 2014 (nome de batismo nos EUA), e o antigo piloto construiu um conjunto de motos extremamente ligeiras da Yamaha, depois de estrear com pequenas reconversões da Suzuki SV 650. Palmer disponibiliza hoje kits de conversão para venda ou até mesmo Yamahas completamente reconvertidas para a máxima desportividade. 

Nesta reconversão com forquilhas da R1 a MT-07 ficou a pesar 170 quilos

Os seus kits que podem ser utilizados numa naked MT-07 e consistem num conjunto completo inspirado nas motos de MotoGP por um punhado de dólares… 950 para sermos precisos! Fazem parte dos mesmos uma forquilha invertida da R1 adaptada, assim como as pinças de travão correspondentemente de montagem radial. Se isso for muito caro e o cliente não desejar, o garfo original pode então ser reconstruído com kits de cartuchos. Os kits do preparador norte-americano também estão disponíveis na Alemanha, custando por exemplo uma embraiagem anti-ressalto Yoyodyne, especialmente desenvolvida por Andy Palmer, cerca de 850 dólares.

GALERIA

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x