Honda NX650 Dominator ‘XR Baja’ by Neuga

By on 24 Janeiro, 2023

Se algum dia vir esta Dominator ‘XR Baja’ a rodar pelas ruas de Budapeste, saiba que foi produzida pelos artifices da Neuga em apenas seis meses, não lhe faltando o ar offroad da clássica americana Baja 1000.

A Honda NX650 Dominator esteve em produção entre 1988 e 2003. Com um robusto monocilíndrico de 644cc capaz de atingir os 44 cavalos, tratou-se de uma dual-sport muito bem sucedida no mercado, com a particularidade do seu motor 4 tempos proveniente da ‘indestrutível’ offroad XR 600 R nos poder oferecer quilómetros sem fim sem preocupações de fiabilidade.  

Contúdo, com o passar dos anos há quem a prefira alterar, trocam o depósito  por algo mais fino, procedem a alguns ajustes na ciclística e mudam o DNA da moto de aventura para uma scrambler utilitária – sem no entanto perder o seu perfil carismático e único. Foi esse o caminho seguido por uma oficina de customização húngara, a Neuga.

 Envolta em acabamentos suaves e ostentando uma postura imponente, tem a aparência de uma moto da clássica Baja 1000 americana, num perfil retro e com ar refinado. “Esta construção foi um projeto ‘interno’, para um dos membros da nossa equipa”, diz o fundador da Neuga, Benedek Eszteri. “Demorou cerca de seis meses desde a desmontagem até ao acabamento. A nossa ideia era ter uma moto tão confiável quanto possível – e não poderíamos pensar em algo melhor do que uma Dominator.”

“A moto estava em boas condições, mas foi mudada completamente e reconstruída. Queríamos ter um farol duplo e um pouco de carbono – essa era a ideia básica. Todo o resto tomou forma durante o projeto… foi uma espécie de freestyle.”

A oficina de Budapeste fez uma reconstrução completa, que incluiu parcialmente o motor e toda a parte ciclística. “Não houve um único componente que não fosse substituído ou reformulado. Também parece nova por fora, com uma nova camada de tinta preta resistente ao calor pontuada pelas aletas polidas e tampas do motor”.

Alterado também foi o sistema de escape de aço inoxidável personalizado dois em um (o único cilindro Dominator tem duas saídas) que termina num silenciador Supertrapp clássico.

Igual atenção foi dada ao quadro e rodas desta Dominator. A Neuga manteve a forquilha original, mas reforçou-a com novas molas e depois reinstalou-a com novos rolamentos no ‘T’ de direção. O monomamortecedor traseiro foi trocado por uma nova unidade YSS.

As rodas e travões foram mantidos embora pareçam novos. Todos os rolamentos e vedações foram substituídos, todos os fixadores foram limpos e galvanizados de novo e todos os componentes pretos foram removidos e revestidos novamente. Os tubos do sisema de travagem também foram mudados para uns novos Goodridge.

Na frente está o conjunto de faróis completos de uma Honda XR250 Baja – um arranjo que coloca duas luzes dentro de uma espécie de ‘gaiola’. A Neuga reformou-o, antes do adaptar esta Dominator, recebdo um guarda-las de plástico de uma Kawasaki KLX. Aproveitando o espaço extra proporcionado pelos faróis robustos, a equipa criou um painel de fibra de carbono para ficar na parte superior. Aí colocou um par de medidores Daytona, alguns interruptores personalizados e uma porta de carregamento USB. Os retrovisores e piscas são itens da Motogadget, enquanto o guiador é um Renthal.

Outros pequenos detalhes, como as manetes de travão e embraiagem são peças ASV, mas foram modificadas para acomodar o reservatório de fluido de travão. Há uma tampa de roda dentada dianteira de fibra de carbono personalizada mais abaixo também. O esquema de pintura também é distinto do padrão original. A Neuga escolheu um ‘cinza quente’ para o depósito e os seus painéis laterais. As rodas douradas remetem ao design original da Dominator.

Por fim, sobre esta Dominator que manteve intactas as principais caracteristicas do robusto motor, resta referir que foi calçada com pneus desportivos TKC80 da Continental.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments