95 ou 98… qual a melhor gasolina para a minha moto?

By on 6 Dezembro, 2020

A ETERNA DÚVIDA AO ABASTECER: “QUAL O MELHOR COMBUSTÍVEL PARA A MINHA MOTO? … 95 OU 98!? NÓS ESCLARECEMOS, MAS DESDE JÁ FIQUE A SABER QUE A MELHOR SOLUÇÃO É SEMPRE A RECOMENDADA PELO FABRICANTE.

Existem dois tipos de gasolina no mercado, de 95 e 98 octanas, indicados de acordo com as propriedades dos motores. A melhor recomendação é sempre seguir as instruções do fabricante da moto, que conhece perfeitamente as necessidades técnicas do motor.

É no entanto bom recordar que, desde 12 de outubro de 2018, por decisão da União Europeia, o nome dos combustíveis foi alterado para as designações E5 (gasolina 95 sem chumbo) e E10 (gasolina 98 sem chumbo).

A principal diferença entre um e outro combustível reside no índice octano ou de octanas. Este índice, representa a resistência que o combustível tem à compressão muito alta exercida dentro do motor, antes de detonar incontrolavelmente.

Qualquer motor a gasolina faz com que a gasolina se inflame a um momento muito específico, o que é causado pela faísca da vela de ignição, e nunca antes de se atingir esse momento ideal de explosão. A gasolina de 98 octanas, com uma potência anti-detonante superior à de 95 octanas, foi desenvolvida para motores de alta perfomance, que operam com uma alta taxa de compressão e atingem um número maior de rotações, como em motos desportivas e de corridas, o que não significa em termos absolutos que a gasolina de 98 octanas resulte em mais potência. Por outro lado, a gasolina 95 tem menos potência anti-detonante e geralmente é adequada para todos os outros motores.

Significa isto que se pode aplicar na moto gasolina 95 ou 98 gasolina indiscriminadamente?

Na realidade é possível mas não é recomendável. Usando por exemplo gasolina 95 em motores de alto rendimento, a gasolina poderá detonar antes da hora certa provocando um fenómeno de auto-ignição. Isto leva a um menor desempenho, uma descompensação em termos de bom funcionamento do motor e, pior ainda, avarias mecânicas. Nestas circunstâncias, aparece um ruído metálico ou um sino muito característico que é reconhecido como corte de cambota.

Assim, e se por força maior (gasolina esgotada na ilha de combustível) for forçado a reabastecer gasolina de 95 na sua moto desportiva, não se apresse. O que deve fazer é conduzir com muita calma e não exigir muito do motor. Desta forma, estará a contribuir para a queda das condições térmicas dentro do motor evitando que a gasolina vá detonar incontrolavelmente e fora do período indicado.

Caso contrário, colocando gasolina 98 no depósito quando o recomendado para a sua moto é a gasolina 95, não vai notar qualquer diferença substancial na performance da moto, apenas vai fazer os mesmo quilómetros e pagar mais, ‘desperdiçando’ dinheiro sem que o seu motor precise.

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
CM500
CM500
9 meses atrás

Há outra diferença que também é importante, a 98 tem o dobro do etanol em relação à de 95, por isso é que o nome da 98 é E10, e a de 95 é E5. A gasolina mais indicada para a moto é a que o fabricante indica, colocar gasolina 98 numa mota que está preparada para funcionar com 95 pode ser pior. Mais alcool, menos poder calorifico da gasolina o que pode significar um aumento muito ligeiro do consumo.