Honda Collection Hall: Uma visita indispensável

By on 30 Dezembro, 2020

Um mergulho na história da Casa da Asa Dourada entre curiosidades e joias preciosas. A famosa estrutura localizada no circuito Twin Ring de Motegi, divide-se por três andares, onde o visitante segue uma narrativa precisa sobre o passado glorioso da marca criada por Soichiro Honda.

Na lista de lugares do planeta que podem ser considerados como um “templo dos motores”, há certamente o precioso Honda Collection Hall, um museu que é destino de peregrinação para entusiastas de todo o mundo.

É precisamente dentro da área do circuito de Motegi que se localiza este museu de história da  Honda, num edifício de três pisos, onde encontramos uma variedade de veículos de duas e quatro rodas, joias da indústria que escreveram a história, não só da marca, mas dos motores em geral. Ver ao vivo raridades e maravilhas da mecânica, andando pelas salas admiravelmente montadas, é uma experiência única. Uma experiência que afeta até mesmo os mais desligados ao mundo dos motores, onde tantas vezes a paixão se mistura com a engenharia de uma forma singular e única.

O ASIMO DÁ AS BOAS-VINDAS

Na entrada o visitante é recebido por um grande saguão, com as janelas sugestivas e alguns modelos que iniciam o “caminho narrativo” através de toda a produção da Honda, desde as suas origens. No mesmo andar, além da loja onde encontra algumas peças “em escala” por conhecedores, é impossível resistir às manifestações da ASIMO e do UniCab. O primeiro – Passo Avançado em Mobilidade Inovadora – é um dos emblemas da marca japonesa, uma espécie de laboratório android onde as tecnologias que são usadas em produtos de consumo na vida real são testadas: o ASIMO é um android capaz de correr a 10 km/h e simular movimentos de réplicas dos humanos perfeitas. O UniCab, por outro lado, é um sistema de mobilidade experimental, movido a energia elétrica, equipado com soluções futuristas, sempre disponível aos visitantes para um teste.

MOTOS E CARROS QUE FIZERAM HISTÓRIA

Subindo ao primeiro andar é ai que realmente se mergulha entre as maravilhas do Collection Hall da Honda. Inteiramente dedicado à produção em série, neste piso encontramos raridades e ‘guloseimas’ sugestivas para os paladares mais finos, desde a fascinante a controversa Honda NR 750 de pistões ovais, até à primeira CB Four, passando pela AC15 Dream 50, CX500 Turbo, VFR750R e RC30, até à primeira geração da GoldWing, só para citar alguns modelos.

Do lado dos carros, o encontro com a geração NSX, um desportivo de alto desempenho cuja evolução foi apreciada ao longo dos anos, é impressionante; ou com o primeiro Civic, que chegou ao mercado em 1972. Todos os modelos em exposição no museu são mantidos em perfeita eficiência e de tempos em tempos são até usados para um pequeno passeio na pista de Motegi.

NO UNIVERSO DAS CORRIDAS

Passando mais um lance de escadas chegamos ao último andar, piso que é inteiramente dedicado ao universo das corridas, desde os pilotos às motos e carros que ao longo dos anos fizeram histórias em alguns dos campeonatos mais importantes do mundo.

A irreprimível NSR 500 de Mick Doohan, a NSR 250 de Luca Cadalora ou os protótipos número 46 de Valentino Rossi. Neste ponto, se você já tem o seu coração a bater forte ao ritmo dos cilindros da Casa de Tóquio, tudo que você tem que fazer é organizar a viagem.

Aqui deixamos algumas informações úteis: preço total do bilhete, cerca de 8 euros. Horário de funcionamento: segunda a sexta das 10h às 17h; aos sábados e domingos o horário é das 9h30 às 17h30.

GALERIA DE IMAGENS

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x