Mercado: Seis ciclomotores para desfrutar na adolescência

By on 12 Maio, 2021

A maioria de nós, utilizadores de motos praticamente todos os dias, começou no mundo dos ciclomotores há anos atrás. No entanto, hoje pouco se fala deles, mesmo na imprensa da especialidade, mas a verdade é que no passado mês de Abril os ciclomotores registaram uma variação positiva de 172,2 por cento face ao mês homólogo de 2020. A procura aumentou substancialmente, o que até é normal com a chegada da época ‘quente’ de primavera-verão. 

Na verdade, o sector das 50cc está a crescer em toda a Europa e voltou a estar em voga graças às novas tendências e também aos novos hábitos de deslocação provocados pela pandemia, onde a condução a solo é preferida a outras formas de transporte partilhado também pelos adolescentes. Muitas vezes ignorado injustamente, o mercado de 50cc é um precioso ponto de partida para os condutores do futuro, bem como um bom treino para os condutores mais conscientes.

Porque também nós da Moto+ não somos indiferentes a essa maior procura, trazemos aqui alguns dos melhores ciclomotores que podem encontrar no mercado. A regulamentação atual atrasou a idade inicial para os 16 anos – já foi possível conduzir a partir dos 14 anos com autorização parental – e a partir desse momento, em plena efervescência adolescente, já se pode conduzir (após ter a licença correspondente) um ciclomotor de 50 cc.

Aprilia SR 50 MT Motard 50 E4

O espírito Racing de Noale

A Aprilia SR 50 é uma das scooters desportivas mais conhecidas desde há muito. Possui um motor monocilíndrico de dois tempos com refrigeração líquida, e graças ao seu carburador eletrónico tem aprovação Euro 4. O seu quadro de aço garante uma distribuição de peso ideal. Quanto aos travões, emprega dois discos de 190 mm e pneus de baixo perfil 130/60. Sob o seu assento pode facilmente armazenar um capacete integral e ainda tem um porta-luvas de 1 litro de capacidade. Atualmente podemos encontrá-la em três esquemas de cores: Fluo Red, Racing White e Racing Black.

Preço: a partir de 2.349€

Beta RR 50 Enduro e Motard

Inspirada nos campeões de Enduro

A nova Beta RR 50 foi completamente renovada este ano para cumprir as normas Euro 5. Disponível nas versões Enduro e Motard apresenta um novo quadro, no qual a geometria foi redesenhada para melhorar a agilidade de manuseio e condução. Tem um motor monociclindrico a dois tempos com 6 velocidades e refrigeração liquida. A nova forquilha dá maior precisão de acoplamento para um manuseio mais reativo. Quanto aos travões, monta à frente um disco de 260 mm na frente e um outro atrás de 220 mm. Tanto a versão Enduro quanto a Motard têm três acabamentos: Standard, Sport e Racing. 

As novas versões Enduro e Motard estão no mercado com preços que começam nos 3860, aumentando o valor de acordo com o nível de equipamento que se divide em três níveis.

Preço: a partir de 3.860€

Peugeot Speedfight 50

Sedutoramente Retro

As bonitas curvas da Django inspiram-se nas linhas requintadas do clássico modelo S57C Peugeot. Mas enquanto o seu visual se baseia na herança da marca, está também recheada de tecnologia moderna: iluminação LED, tomada de carregamento de 12V para dispositivos e um painel de instrumentos semi-digital com computador de bordo. Sim, esta é uma scooter inspirada no passado com tecnologias modernas e atuais.

A altura reduzida do assento da Django, assim como o piso espaçoso e plano para os pés, tornam-na confortável para condutores de todos os tamanhos – e o seu peso reduzido garante máxima agilidade. A Django dá-lhe toda a informação e em grande estilo, como é visível nos instrumentos retro com uma mistura equilibrada entre analógico e digital.

Preço: a partir de 2.299€

Piaggio Liberty 50

Ideal para a cidade

Continuamos com uma scooter de roda alta, ideal por exemplo para as mais jovens condutoras. A Piaggio Liberty 50 combina elegância, leveza e tecnologia. Tem um económico motor de quatro tempos com tecnologia i-Get, refrigerado a ar e com uma potência máxima de 3 cv. Quanto aos travões, conta com um disco dianteiro grande de 240 mm e um tambor traseiro de 140 mm que são responsáveis por parar o conjunto. Atualmente pode ser adquirido em esquemas de cores 3: Bianco Luna, Blu Orione e Nero 

Preço: a partir de 2.595€

SYM Symphony 50 Cargo

A scooter ‘faz-tudo’ 

No segmento das scooters de roda alta encontramos ainda a SYM Symphony 50. Este ciclomotor é equipado com um motor de quatro tempos já adaptado ao Euro 5. Quanto à ciclística, está equipada à frente com uma forquilha telescópica e um disco de 226 mm e no trem traseiro monta um monoamortecedor hidráulico acompanhado de um disco de 130 mm. Atualmente pode encontrá-la numa única cor, branco por um preço de  2.099€. 

Preço: a partir de 2.099€

Yamaha Aerox 4

A vida é uma corrida

Esta é outra scooter desportiva que existe há muito e sempre com grande sucesso de vendas. A Yamaha Aerox 4 tem um motor a quatro tempos em conformidade com a norma Euro 4. Com potência máxima de 3 cv, vem equipada com um garfo telescópico com 80 mm de curso no trem dianteiro e uma unidade de oscilação hidráulica de 64 mm na traseira. Quanto aos freios, um disco de 190 mm em cada trem é responsável por parar todo o conjunto. O quadro tubular e a suspensão dianteira hidráulica proporcionam uma condução desportiva e uma excelente performance nas curvas, contando com jantes leves em alumínio com 5 raios.

Atualmente pode ser adquirida por 3.125€ em dois esquemas de cores: Matt Grey e Yamaha Blue.

Preço: a partir de 3.125€

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x