MV Agusta confirma o desenvolvimento de novos modelos com motores de baixa cilindrada.

By on 11 Dezembro, 2019

O primeiro fruto do investimento que o gigante chinês Loncin realizou na MV Agusta irá materializar-se em breve com o lançamento de novos modelos de cilindradas mais baixas, realidade agora confirmada por Timur Sardarov, CEO da MV Agusta.

A produção de um novo bicilíndrico de 350cc ( e talvez também de 500cc ) irá dar origem a novos modelos da marca italiana que chegarão ao mercado apenas em 2021.  O objectivo é o de conseguir chegar a um mercado mais jovem, com novos modelos passíveis de serem conduzidos com carta A2, sem perder aquilo que tem sido o “core business” e a imagem da marca no segmento premium.

Actual Loncin GP300 poderá ser base das próximas MV Agusta 350cc e 500cc ?

Sardarov confirmou ainda que os preços destes novos modelos estarão em linha com aqueles de outras marcas praticam no mesmo segmento o que tornará as novas MV Agusta mais acessíveis e apetecíveis.

Não se sabe que modelos irão integrar as novas motorizações de 350cc/500cc mas podemos certamente esperar uma naked, uma desportiva e quem sabe também uma Adventure Sport, em linha com a actual distribuição de modelos no segmento médio das MV’s tricilíndricas de 800cc.

Loncin GP300

Independentemente dos modelos que venham a constituir a nova gama de motos da marca italiana, o termos motos MV Agusta na casa dos 6.000 ou 7.000 eur é uma realidade antes impensável e que irá certamente impactar este segmento de mercado.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!