Um Notebook para fãs e proprietários da icónica Z1

By on 29 Julho, 2021

Este novo caderno de apontamentos, permite que mantenha o controle dos seus compromissos e lembretes mais importantes, não como de costume em letras pretas sobre um fundo branco, mas em letras brancas sobre um fundo preto!

O novo notebook “Write on Black” é um acessório muito especial para os donos e fãs de uma Kawasaki Z1! E fornecerá muito material para discussão, já que você realmente usa uma caneta branca para escrever em papel preto!

Cada uma das 180 páginas, bem como a capa preta deste livro de 21,5 x 30 centímetros (cerca de 8,46 x 11,81 polegadas), é adornada por um gráfico estilo marca d’água cinza escuro que mostra o logotipo “ Z1 desde 1972 ” .

O Notebook vem com uma caneta de gel branca e é vendido por 34,90 euros exclusivamente online em www.z900.us.

A lendária Z1

A Kawasaki Z1 é uma moto de quatro cilindros, refrigerada a ar, com dupla árvore de cames à cabeça, carburada e com transmissão por corrente, lançada em 1972 pela Kawasaki.

Após a introdução da Honda CB750 em 1968, a Z1 ajudou a popularizar o quatro cilindros em linha. A Z1 ficou conhecida por ser a primeira moto japonesa de quatro cilindros de grande cilindrada a usar o sistema de eixo de comando de válvulas duplo numa moto de série. Quando foi lançada, apenas a MV Agusta 750 S usava esse sistema; mas era uma moto de produção limitada muito cara, ao contrário da Kawasaki, que custava menos da metade do preço.

Em 1972, a Z1 estabeleceu o recorde mundial FIM e AMA de resistência de 24 horas na pista inclinada de Daytona. A Z1 tinha instrumentação completa e arranque elétrico, produzia 82 cv e tinha uma velocidade máxima de 210 km/h.

A Z1 foi distinguida com o prémio MCN ‘Moto do Ano’ de 1973 a 1976, um prémio resultante de uma pesquisa de opinião dos leitores realizada pela publicação semanal Motorcycle News do Reino Unido.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments