Ducati apresenta tecnologia de comunicação carro para moto

By on 9 Janeiro, 2019

A Ducati continua com a sua pesquisa e experimentação sobre segurança, tendo apresentado, em parceria com a Audi e a Ford, o projeto ConVeX (Connected Vehicle to Everything) no Consumer Electronics Show® 2019 de Las Vegas. A moto usada na primeira demonstração americana para definir novos padrões de segurança foi uma Multistrada 1260. Trata-se de um sistema de comunicação que interliga veículos, infraestruturas viárias e peões.

Este teste segue um já concluído na Alemanha em julho, o projecto ConVeX (Connected Vehicle to Everything) – uma parte essencial da estratégia “Safety Road Map 2025” da Ducati, que visa desenvolver novos sistemas e tecnologias de segurança, então apresentada na Europa pela primeira vez. Os estágios iniciais dessa estratégia verão o ABS em Curva ser estendido a toda a gama Ducati e o lançamento no mercado, em 2020, de uma moto com radar dianteiro e traseiro.

Neuburg, 03.07.2018: xxx. Foto: Lukas Barth

A Ducati, a Audi AG e a Qualcomm Technologies, Inc., subsidiária da Qualcomm Incorporated, anunciaram esforços contínuos das empresas para ajudar a acelerar a implantação comercial da tecnologia de comunicação direta C-V2X para segurança na estrada, eficiência de tráfego e condução automatizada.

Como parte do Consumer Electronic Show® 2019 (CES 2019), uma Ducati Multistrada 1260, bem como veículos Audi e Ford, demonstraram situações de condução utilizando comunicações diretas C-V2X. Todos os veículos foram equipados com a tecnologia C-V2X utilizando o chipset Qualcomm® 9150 C-V2X para demonstrar um caso de uso de interseção cooperativo, mostrando como o C-V2X pode ser usado entre veículos para negociar o direito de passagem ao entrar num sistema de quatro vias ou intersecção sinalizada onde as condições de partilha de intenção e de não alinhamento (NLOS) tornam ideal o uso de um sensor sem fios, como o C-V2X.

As empresas também exibiram cenários adicionais de segurança de Veículo para Veículo (V2V), Veículo para Peão (V2P) e Veículo para Infraestrutura (V2I), demonstrando a maturidade e o potencial da tecnologia C-V2X. O caso de uso do V2V incluiu o cenário Intersection Movement Assist (IMA), que é uma contramedida importante para abordar colisões nas interseções, enquanto o cenário V2P exibiu como o C-V2X pode ser usado para proteger utentes vulneráveis, incluindo peões e ciclistas.

Neuburg, 03.07.2018: xxx. Foto: Lukas Barth

O exemplo de uso do V2I apresentava o cenário de Aviso da zona de trabalho, que é projetado para fornecer aos motoristas um alerta avançado sobre obras na estrada, permitindo que eles manobrem em maior segurança.

As demonstrações de Las Vegas desta semana acompanham outras bem-sucedidas de validações do sistema C-V2X realizadas em 2018 na Europa, Japão, Austrália, China e Estados Unidos, bem como a primeira demonstração de interoperabilidade entre uma motocicleta, automóveis e infraestruturas à beira da estrada C-V2X, realizada por várias empresas líderes em tecnologia automotiva, incluindo a Ducati e Qualcomm Technologies.

A Ducati, a Audi e a Ford estão entre as várias marcas globais que avaliaram de perto a tecnologia C-V2X pela sua fiabilidade, capacidade de alto desempenho e prontidão através de testes rigorosos. Atualmente, o C-V2X é a única alternativa V2X que fornece um caminho de evolução clara para o 5G, de certa maneira compatível com versões anteriores, e projetado para oferecer desempenho fiável e consistente em cenários realistas de condução. Ao mesmo tempo que complementa outros sensores ADAS (Advanced Driver Assistance System), como radar e sistemas de câmara, a comunicação direta C-V2X suporta um conjunto cada vez maior de casos de uso para segurança, bem como um melhor reconhecimento de situação, detetando e trocando diretamente informações vitais.

Além disso, o C-V2X foi projetado com foco na segurança, beneficiando de outras medidas de segurança estabelecidas e protocolos de aplicativos definidos, incluindo ISO, ETSI e IEEE 1609. Como o C-V2X pode ser facilmente integrado em todos os modems sem fio, pode oferecer comunicações diretas e de rede, com implementação económica, o que é especialmente importante à medida que a indústria automotiva continua a avançar no sentido de adicionar conectividade sem fios em todos os veículos.

Esta demonstração ilustra casos de uso em que tecnologias avançadas podem melhorar significativamente a segurança dos utentes de motocicletas”, disse Pierluigi Zampieri, Gerente de Inovação da Ducati Motor Holding. “A comunicação C-V2X é um dos principais projetos do roteiro de segurança Ducati 2025”.

 

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!