Estudantes da Universidade de Warwick apresentam moto elétrica

By on 6 Julho, 2020

A equipa estreou um novo design da Aurora Electric Superbike

Uma equipa de estudantes da STEM da Universidade de Warwick estreou uma nova superbike elétrica.

O projeto para uma nova superbike elétrica, construída por estudantes da Universidade de Warwick e baseada numa Honda Fireblade, com uma velocidade máxima de 257 quilómetros por hora foi agora estreado, de acordo com um recente vídeo da Universidade publicado no YouTube.

O grupo por detrás da nova superbike elétrica é composto por 25 alunos de vários departamentos, incluindo a Escola de Engenharia, WMG, Física, Ciências da Computação e Direito e Matemática. Juntos, trabalharam para completar a Aurora com o apoio do centro WMG High Value Manufacturing Catapult.

A Aurora abrigará uma bateria arrefecida a óleo de 17 kilowatts-hora, além de uma motorização que produz 150 kilowatts (equivalente a 200 cv), com 400 Newton-metros de binário. A superbike pode atingir uma velocidade máxima estimada de 257 quilómetros por hora, de acordo com a equipa de Warwick.

Com um subquadro de fibra de carbono, o radiador de Aurora foi concebido para proporcionar refrigeração ideal aos componentes, que atingem os 260 Kg.

Um estudante da escola de engenharia e gerente da equipa de motos de Warwick, Aman Surana, disse: “Tentámos o nosso melhor para desenhar uma moto orientada para o desempenho, mas que é também uma plataforma de aprendizagem para nós enquanto estudantes. Com o cancelamento do Tourist Trophy e os nossos planos de corrida e teste impactados pelo Covid-19, o nosso foco tem sido tomar decisões estratégicas que se alinhem com os nossos objetivos de longo prazo e garantam que as futuras equipas tenham algo com que trabalhar.”

Isto vem na sequência de outros avanços na indústria emergente de motos elétricas. Por exemplo, a farncesa Voxan estreou uma nova motoE chamada Wattman, projetada com o propósito singular de quebrar o recorde mundial de velocidade em terra. Ao contrário da superbike da equipa de Warwick, a Wattman usa gelo seco no lugar de um radiador volumoso para arrefecer o motor e a bateria, otimizando a penetração aerodinâmica.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!