Harley-Davidson Sportster da Deus Ex Machina

By on 10 Fevereiro, 2019

A cena das personalizações custom já teve mais que o seu quinhão de Café Racers feitas a partir de Harley-Davidson Sportster, mas raramente são tão elegantes como esta. Construída pelo francês Jeremy Tagand, da Deus Ex Machina na Austrália, é um exercício estético em extremo bom gosto.

Não vão encontrar nela escapes embrulhados com fita de amianto ou pneus vintage a destoar. Apenas uma miscelânea de peças elegantes, que inclui rodas de aros cromados, equipadas com pneus Avon, e um impressionante escape duplo da Bassani.

Quem já ouviu um desses sistemas numa Sportster, sabe como eles conseguem ser maravilhosamente barulhentos. O depósito de combustível veio de uma Yamaha SR, e o assento é da Tuffside. Jeremy também instalou piscas da Purpose Built Moto, uma bomba de travão com reservatório de fluido da Roland Sands e um velocímetro Motogadget.

E esta Sportster agora usa amortecedores modernos, avanços com punhos revestidos de couro e novas pedaleiras de montagem central. O melhor de tudo, foi a disponibilidade do cliente – já que tanto o cliente como o construtor consideraram a direção geral que deviam dar ao projeto e projetaram as modificações em conjunto. O que prova que o bom gosto está vivo recomenda-se, e neste caso, mora em Sydney.

Transformar uma Harley-Davidson rude e sombria numa moto sofisticada de “gentleman” é um exercício que poucos construtores, mesmo os de renome,  acabam por conseguir. É qualquer coisa como ensinar um cheeseburger americano a beber chá à moda antiga…

No entanto, essa foi uma equação que Jeremy “Jez” Tagand da Camperdown soube como resolver. Há algo que este francês não possa fazer? Provavelmente, mas garantidamente, quando se fala de Café Racers, é a porta certa a bater.

A V-Twin é o resultado patente do que acontece quando cliente e mecânico partilham uma visão tão clara, que o produto final pode ser confundido com déjà-vu por ambas as partes. A moto dadora chegou à oficina de Sydney já com algumas modificações domésticas, algumas adições de bom gosto feitas pelo proprietário, já com o intuito de direcionar a visão para o caminho certo.

Jeremy assumiu o projeto e aplicou os seus métodos à loucura que era o todo. Manteve um certo minimalismo duro, mas de bom gosto, uma homenagem a uma sua construção anterior de 2015, o Gentleman Jim.

Construída sobre uma base de XL 1200C, esta nova adição à série Deus Harley-Davidson rola em rodas cromadas, com uma conversão da transmissão final de correia para corrente e a agarrar tudo na dianteira, um par de garfos reluzentes, com um tê superior maquinado a partir de alumínio sólido da Fastec UK.

Adicione-se umas manetes com aspeto de alta tecnologia da Kustom, um par de interruptores Motone Custom, clip-ons cromados de 7 graus da Tingate e a dianteira começa a parecer composta.

Do lado da ciclística, o quadro foi completado com um depósito de combustível de uma SR, modificado para abrigar a bomba de combustível original, tampão e um velocímetro da Speedo Motogadget que é sempre agradável de contemplar. Tudo isso acabado com uma pintura fresca dos recém-chegados especialistas de pintura Color Fuel.

Logo atrás, fica a área de repouso: Uma cauda inspirada no estilo café racer, assento coberto de cabedal castanho e farolim integrado, colocada por cima de um par de amortecedores traseiros com corpos de alumínio. Outros extras notáveis ​​incluem várias peças chamativas da Roland Sand Designs, como as entradas de ar e o reservatório de fluido da bomba dos travões, os piscas dianteiros e traseiros que são da Purpose Built Moto, e um apoio de matrícula personalizado com peças cromadas correspondentes.

E, claro, o que chama mais a atenção no todo, pelo menos quando se põe a moto a trabalhar, que é o conjunto do escape. Um sistema dois em um da Bassani, dando à Harley-Davidson um som poderoso com a ajuda de um “Fuelpack” plug-in da Vince & Hines. Um verdadeiro vira-cabeças para o homem sofisticado que gosta de acordar os vizinhos cedo!

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!