Honda NT 1100: Nova crossover desportiva em 2022

By on 8 Fevereiro, 2021

Na primavera de 2020 foram pedidas patentes para duas novas ‘concept’, e agora, em Fevereiro de 2021, no órgão europeu de propriedade intelectual a Honda registou o nome NT1100 para a categoria “motociclos”. A nova crossover pode chegar ao mercado em 2022.  

Crossover, all-rounder, sport tourer, adventure tourer – dependendo de qual o fabricante assim é atribuída a nomenclatura deste conceito de moto é diferente. Na mira estão modelos como a BMW S 1000 XR, F 900 XR, Kawasaki Versys 1000, MV Agusta Turismo Veloce e Yamaha Tracer 9. Todas eles oferecem uma posição vertical e um para-brisas decente. Não têm a pretensão de ‘rasgar’ fora da estrada, preferem competir dinamicamente com as mais desportivas Naked. E é neste segmento que a Honda NT 1100 vai surgir.

O protótipo apresentado no EICMA de 2019 com muitas semelhanças com a Tracer 9

DEAUVILLE, A PRIMEIRA ‘CROSSOVER’

A abreviatura NT apareceu pela primeira vez na Honda NTV 650 em 1988, uma estradista com o motor V2 da Transalp lançada dois anos antes, motor que durou até à Deauville 700, uma GT de médio porte com malas laterais. Muito mais tarde, no EICMA de 2019 foi apresentado o concept CB4X desenhado por Valerio Aiello. Com o motor de quatro cilindros da CB650R, ficava-se a perceber que a Honda estava a olhar para o segmento das crossover.

Deauville 700 GT, uma das pioneiras do estatuto crossover na Honda

Há poucos dias, a 2 de fevereiro de 2021, no órgão europeu de propriedade intelectual, a Honda registou o nome NT1100 para a categoria “motociclos”. A designação ‘NT’ provem da NTV 700 Deauville, que na verdade nunca foi um best-seller, mas as suas qualidades de viajante foram sempre reconhecidas. Foi fabricada com seu motor V2 de 65 cv até 2012.

NO MERCADO EM 2022

Os rumores vindos do Japão de que o novo modelo Honda passará a fazer parte da série modelo Honda em 2022 são ainda reforçados pelo atual aplicativo para registrar a marca. Isso porque esse registo de marca geralmente leva cerca de seis meses. Tempo suficiente, então, para apresentar a Honda NT 1100 ainda este ano e que estaria pronta a rolar no mercado em 2022.

A gama de modelos da Honda seria excelente, pois há um vazio entre a all-rounder NC 750 X com 59 cv e o navio-almirante GoldWing. A sport-turismo VFR 800 e a ‘crossover’ VFR 800 X Crossrunner já não fazem parte do catálogo da Honda.

SUBSTITUTA NATURAL DA CROSSRUNNER

Uma turismo-crossover moderna, com ergonomia vertical e o cilindro duplo em linha compatível com o Euro 5 da Honda Africa Twin CRF 1100 L, preencheria essa lacuna. Lembrando que o motor bicilindrico de 1100cc da África Twin debita 102 cv e 105 Nm de potência e binário, isso significa que a Honda NT 1100 poderá ficar um pouco abaixo dos 119 cv da Yamaha Tracer 9 de 119 cv, mas com mais cilindrada e binário, fatores importantes numa moto para todos os caminhos.

Como podem ver nos desenhos, no órgão europeu de registo de novas patentes foram apresentados dois tipos de quadros, um do tipo treliça e um de monotrave simples:

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x