KTM RC 390 2022: Ergonomia aprimorada e mais alcance

By on 3 Agosto, 2021

Lançamento importante para a marca austríaca, esta nova versão também será oferecida numa versão de 125 cc na Europa. No entanto, a RC 390 é o topo da gama e – pelo menos até agora – continuará a ser a principal supersport ‘de rua’ da KTM, depois de ter sido descontinuada a antiga RC 8.

Quando surgiu pela primeira vez em 2021, a KTM RC 390 foi projetada principalmente para os mercados emergentes da Ásia e da América do Sul, regiões do globo onde motos pequenas e desportivas são sempre muito bem-vindas. Porém, a RC 390 também conquistou uma base de clientes considerável na Europa. 

Hoje em dia, mais do que nessa altura, estas pequenas desportivas vêm conquistando cada vez mais clientes, uma vez que são compativeis com a carta A2, destinada sobretudo aos iniciantes que querem subir mais uns degraus, num plano onde a Honda oferece a CBR 500 R, a Yamaha a YZF-R3 e a Kawasaki a Ninja 400 que deve estar prestes a sair do mercado. É agora a hora da KTM aperfeiçoar a sua RC 390 e reaparecer em força neste segmento.  

A nova KTM RC 390

Como o modelo atual, a próxima KTM RC 390 será uma vez mais desenvolvida em cooperação com o acionista indiano da KTM Bajaj e continuará a ser produzido assim como a 390 Duke e 390 Adventure. Na Índia, surgiram recentemente as primeiras fotos da nova KTM RC 390.

O guiador deverá ter um novo formato para melhorar a ergonomia, o depósito será maior para incrementar a autonomia, a travagem dianteira continuará a ser assegurada por um único disco mas de maior diâmetro. Além disso, haverá lugar à estreia na desportiva RC 390 de um novo painel TFT colorido no cockpit, que já faz parte do equipamento da atual KTM 390 Adventure.

O sub-quadro traseiro foi também totalmente refeito, com o intuito de oferecer mais conforto condutor e passageiro, que contam com assento individuais e absolutamente desportivos.

Visual inspirado na RC8

Na nova KTM RC 390 será mantido o conhecido motor monocilíndrico de 373 cc, mas de acordo com as normas cada vez mais rígidas de emissão e ruído E5, como na KTM 390 Duke. Para isso, o escape tem silenciador e catalisador maiores, a exemplo do que vem acontecendo com muitos modelos novos. A potência de 44 cv e o bom binário de 35 Nm vão ser mantidos.

Pelas fotos, o que podemos constatar é que o design é novo, tanto ao nível da carenagem como da ponteira de escape mais volumosas. O frontal tem um estilo muito mais agradável do que antes e inclui um farol principal central LED, fortemente baseado no design da antiga desportiva da KTM, a RC8. 

A carenagem é muito mais larga que na atual versão, o que, além de melhor proteção contra o vento traz também melhor conforto no assento, conferindo à nova RC 390 uma aparência muito mais adulta e adequada a condutores mais altos. A apresentação desta nova KTM RC 390 está prevista para este ano, provavelmente já como parte da gama de 2022.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments