Mercado: Uma desportiva baseada na KTM 890 Duke R em 2021?

By on 28 Julho, 2020

Uma nova desportiva baseada na  Duke R 890 poderá substituir a temperamental RC8 na gama do construtor Austríaco, segundo rumores. A anterior desportiva na verdade, não tem sido o sucesso desejado, sendo um pouco brutal em resposta e desagradável de conduzir.

Será que uma nova 890 Duke R consegue trazer a KTM de volta ao segmento desportivo já em 2021?

De acordo com relatos na imprensa, um porta-voz da KTM discutiu vários projetos de protótipos, já em marcha, ainda reservados do conhecimento público por razões comerciais, técnicas e de marketing. Será 2021 o ano da mudança de rumo?

A anterior Duke 890R, de facto, não teve o sucesso desejado: apesar das soluções técnicas de alto nível, sofria de problemas de imprecisão de caixa na primeira série, e talvez até da estética um pouco arriscada, e foi imediatamente ultrapassada pela concorrência. Hoje, no entanto, a RC8 continua popular entre os amantes incondicionais da marca, devido a uma invulgar capacidade para condução desportiva em track day.

Este, talvez, é também o momento mais adequado para o lançamento de uma desportiva menos extrema, mas ainda respeitadora da filosofia KTM, Ready to Race.

Se as superdesportivas de topo de hoje são quase inacessíveis ao motociclista médio, quer em preço, quer em termos dos limites da suas condução, várias casas apontam agora para motos “médias”, menos exigentes e menos caras: A Ducati com Panigale V2, a Aprilia com RS 660, ou a Triumph com a Daytona 765, ainda que numa edição limitada.

Aguardamos com expectativa os planos futuros da marca austríaca, que deverão ser relevados  no próximo Outono.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!