MotoGP: Ducati e Lamborghini fecham

By on 16 Março, 2020

Os Executivos chefes da Lamborghini e Ducati, Stefano e Claudio Domenicali (sem parentesco) encerram as respetivas fábricas. A Ferrari continua em operação.

A Ducati anunciou que estará encerrada até 23 de Março “aproveitando para se reorganizar”, colocando as linhas de montagem por forma a permitir aos trabalhadores operar mais espaçados.

A fábrica automotiva da Lamborghini, em Sant’Agata Bolognese, por outro lado, encerra mesmo por agora. Na área de escritório, a maioria dos trabalhadores já se encontrava em regime de trabalho doméstico.

“Esta medida é um ato de responsabilidade social, por respeito aos nossos colaboradores e à situação grave de emergência que se vive em Itália e se vem desenvolvendo no resto do Mundo” – disse Stefano Domenicali a propósito – “Como temos vindo a fazer, estamos a seguir a situação atentamente, para reagir rápida e eficientemente com o apoio do nosso pessoal e prontos a recomeçar com a máxima energia quando a situação se normalizar.”

A Ducati encontrava-se na sua fase mais intensa de produção para o pico de vendas do mercado da primavera.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!