Os Protótipos e Modelos 2020 do Salão EICMA em Milão ( Parte 1 )

By on 26 Novembro, 2019

Celebrou-se em Milão no inicio de novembro mais uma edição do Salão EICMA, a feira mais importante a nível internacional onde todas as marcas apresentam os seus modelos para o ano seguinte e também alguns protótipos e conceitos que vislumbram o que num futuro próximo poderá vir a tornar-se realidade.

O salão EICMA em Milão é sem dúvida alguma o marco anual mais relevante no sector das Motos e da mobilidade urbana em duas e três rodas. Este ano celebrou-se a sua 77ª edição onde estiveram presentes cerca de 1800 marcas, as mais relevantes do sector, para mostrarem os seus produtos e as suas novas gamas para 2020.

A organização do certame escolheu o tema “Moto Rivoluzionario” como conceito do Salão deste ano, promovendo um tributo à inovação e à evolução da indústria motociclista. Nesta edição o salão contou com mais 2 pavilhões num total de 8, especialmente dedicados à inovação e ao futuro da mobilidade onde atenção particular foi dada à mobilidade eléctrica.

ZERO Motorcycles – Electric Models

De todas as novidades e protótipos há sempre aqueles que colhem a maioria das atenções dos media e dos visitantes e são essas que destacamos na Parte 1 deste artigo especialmente dedicado ao Salão EICMA deste ano.

Aprilia RS 660

No ano passado este modelo foi apresentado como Concept Bike, realidade que muitos fabricante têm vindo a adoptar no sentido de testar o mercado e sentir a viabilidade comercial dos seus produtos. A Aprilia RS 660 é uma extraordinária moto desportiva do segmento médio que herda toda a experiência da marca na competição e monta um motor bicilíndrico paralelo de 660cc, praticamente o bloco frontal da RSV4 1000, que debita 100CV e pesa apenas 169Kg. A nível das sua electrónica a RS 660 herda o pack utilizado pela RSV4 que inclui todo tipo de ajudas.

Aprilia Tuono 660

Tal como a versão de topo com motor V4 de 1000cc também a nova versão RS660 terá uma declinação no modelo Tuono, embora a Tuono 660 apresentada no salão fosse ainda um protótipo será certamente apresentada como modelo definitivo durante o ano 2020. As suas características serão semelhantes às da versão RS carenada sendo que apenas a sua potência descerá para os 95CV com uma distribuição distinta da sua entrega.

Benelli Leoncino 800

A nova Leoncino 800 é uma evolução em todos os sentidos da bem sucedida Leoncino 500, com destaque especial para a sua versão Trail. Com um design inovador, mas mantendo inspiração nas versões anteriores, a nova Leoncino 800 monta um motor bicilíndrico paralelo de 754cc que debita uns significativos 81,6CV de potência com um binário máximo de 67Nm.

Bimota Kawasaki Tesi He Concept

Confirmada que foi apenas há umas semanas atrás a compra da Bimota pela Kawasaki, a nova era é agora marcada pelo seu relançamento com a apresentação em Milão de um novo modelo com motor sobrealimentado, projecto desenvolvido pelo engenheiro Marconi. A Bimota Tesi H2, como todas as Bimota do passado, exibe uma ciclística impressionante onde a suspensão dianteira se destaca pelo facto de conseguir manter sempre a mesma distância entre eixos mesmo nas travagens mais violentas que provocam o afundamento máximo das suspensões. De estética arrebatadora e com um perfil aerodinâmico único, a Bimota Tesi H2 utiliza a fibra de carbono numa série dos seus componentes sendo que muitos outros elementos são em alumínio maquinado.

BMW F 900 R e F 900 XR

A muito aguardada F 900 XR foi finalmente apresentada esta manhã no stand da BMW em Milão no decorrer do Salão EICMA. Um modelo totalmente novo, de inspiração no protótipo 9CENTO apresentado há cerca de 1 ano e  que monta o motor bicilíndrico paralelo da 850 GS, agora com a cilindrada elevada aos 895cc  o que lhe permite atingir os 105 CV de potência e estar de acordo com as limitações impostas pelo Euro 5. A nova BMW F 900 XR é uma moto do segmento Sport Touring, dentro do estilo marrcado pela sua irmã maior S 1000 XR que também para 2020 sofre uma importante evolução.

Paralelamente foi também apresentada a versão Naked, a F 900 R, a qual partilha parte da sua ciclística e motorização com a versão XR mas com acabamentos próprios a nível da sua estética exterior e acabamentos.

BMW S 1000 XR

A nova BMW S 1000 XR está mais leve, mais rápida e ainda mais versátil.  Motor e chassi totalmente novos e com um peso total de apenas 226 Kg, 10Kg menos que a sua antecessora, a nova S 1000 XR define uma nova dimensão no segmento das motos Adventure Sport. Com um novo motor de quatro cilindros em linha agora 5 kg mais leve, baseado no motor da S 1000 RR, com potência e direção otimizadas nos médios regimes e nova relação de caixa da quarta à sexta. Mais potência e binário com165 hp às 11.000 r.p.m. e 114 Nm às 9.250 rpm. Chassi completamente novo com tecnologia «Flex Frame» e electrónica completíssima com quatro modos de condução «Chuva», «Estrada», «Dinâmico» e «Dinâmico Pro» incluídos como standard.

Ducati Desert X

A Ducati apresentou este ano todas as suas novidades no Salão EICMA em Milão e entre os vários modelos da gama 2020 presentes no seu stand destacavam-se dois protótipos desenvolvidos sobre base Scrambler. Aquela que chamou mais a atenção foi a Desert X um protótipo desenvolvido sobre base da Scrambler Desert Sled 800 mas com o motor da Ducati Scrambler 1100.  A sua estética e decoração parece bastante inspirada na Cagiva Elefant 900, um modelo mítico que chegou a ganhar a prova do Paris- Dakar no ano de 1990 e que montava nessa altura um motor bicilíndrico em V da mesma Ducati. Suspensões invertidas de longo curso, duplo farol dianteiro ao estilo Cagiva Elefant , linhas fluidas modernas e soberbas,  assento monolugar e setup de moto de rally, onde se destacam os depósitos de combustível colocados lateralmente na traseira da moto. Realmente impressionantes este Protótipo da Ducati que a vir a ser realidade irá colocar novamente em ebulição o já muito competitivo segmento das motos Adventure.

Ducati Motard

Outros dos protótipos apresentados em Milão, paralelamente à Adventure Desert X, foi a Ducati Motard. Tal como a anterior, o desenvolvimento foi realizado sobre base Scrambler, utilizando o motor de 803cc , bicilíndrico em V de 73 CV, com uma ciclística ao estilo Supermotard, ou seja, suspensões invertidas com jantes de raios de 17” anodizadas à cor da moto. Inclui travão de disco único dianteiro ao estilo supermoto, guarda lamas curto e elevado e uma estética arrebatadora, com painéis laterais e um frontal muito bem desenhados. A opção cromática em azul claro “elétrico” assenta de forma natural nesta versão supermoto, realçando exclusividade e o seu carácter desportivo.

Ducati Multistrada S Grand Tour

A nova Ducati Multistrada 1260 Gran Tour expressa de forma clara todo o potencial com que a Ducati dotou este modelo para proporcionar a melhor experiência possível a viajar de moto. Todo o equipamento incluído neste nova versão da Multistrada 1260 para 2020 tem por objectivo proporcionar maior conforto em longas viagens.  Com uma decoração muito especial e atractiva, em tons de cinza e com pormenores a vermelho, nomeadamente o quadro de trelissa, outros elementos decorativos fazem destacar a vocação Touring da nova Multistrada que está mais adaptada do que nunca para percorrer longas distâncias a solo ou acompanhado. O motor bicilíndro em V é o mesmo que monta a Multistrada 1260 debita 158 CV de potência às 9.500 rpm e atinge um binário máximo de 129 Nm às 7.500 rpm. A Multistrada Gran Tour monta suspensões electrónicas invertidas de 48mm,  com ajuste automático de compressão e extensão através do sistema Ducati Skyhook Suspension EVO. A suspensão traseira é também de ajuste electrónico DSS – Ducati Skyhook Suspension e o mono amortecedor actua num monobraço de alumínio. 

Harley-Davidson Pan America  e Bronx

Model Year 21.25 Key Features Photography.

A Harley-Davidson Pan America ™ é uma nova e avançada Adventure Touring. A Pan America™ é uma ferramenta multifunções de duas rodas projetada para explorar. O novo motor Harley-Davidson® Revolution® Max também está no coração da nova Bronx™. Este modelo middleweight streetfighter rola com uma atitude irreverente e uma performance a condizer. Os modelos Adventure Touring e Streetfighter representam uma nova era de performance e atitude Middleweight da Harley-Davidson. A Harley-Davidson exibe pela primeira vez publicamente no EICMA em Milão duas novas motos middleweight e divulga informações sobre o mais recente motor Harley-Davidson® V-Twin – o Revolution® Max. O potente e novíssimo V-Twin 60-degree foi projetado para uma nova gama de motos Harley-Davidson de duas formas diferentes – 1250cc na nova Harley-Davidson Pan America™ e 975cc na Harley-Davidson® Bronx™.. Estes novos modelos serão lançados no final de 2020, estendendo a icónica marca para um novo segmento de mercado.

Honda CBR 1000 RR Fireblade

A nova Fireblade foi projetada desde o início – em termos de motor, maneabilidade e aerodinâmica – para oferecer as melhores performances em pista. O motor da CBR1000RR-R apresenta como binário máximo 113Nm às 12.500rpm e produz um pico de potência de 160Kw às 14.500rpm. O sistema de acelerador eletrónico Throttle-by-wire foi melhorado e tem agora melhor sensibilidade; o sistema oferece também de série três modos de condução, com opções para alterar a potência (P), o efeito de travão-motor (EB) e o controlo anti-cavalinho (W), para além do sistema otimizado de controlo de tração variável da Honda (HSTC). O quadro tipo diamante em alumínio é uma unidade totalmente nova e usa a parte traseira do motor como ponto de montagem superior do amortecedor traseiro; o braço oscilante é mais comprido e baseado no design do da RC213V-S.

Honda CB4 X

Uma das atrações no stand da Honda em Milão é esta Concept Bike apelidada de CB4X, um conceito designado por “Sport Touring Crossover” que combina várias capacidades entre desportiva, turismo e um pouco de offroad light. A CB4X é o resultado de uma procura constante por parte da Honda de novos conceitos que acompanhem as expectativas e necessidades do mercado. A CB4X foi por isso desenvolvida sob o lema “sete dias divertidos da semana” o que define claramente a tipologia da moto e a abrangência da sua utilização. A nível de motorização encontramos o novo 4 cilindros em linha da Honda do qual se desconhecem as especificações, montado num quadro de liga sendo que o sub-quadro é também de alumínio. Exteriormente a CB4X está “vestida”  de formas futuristas e suaves, com um écran frontal regulável em altura e faróis dianteiros de tecnologia LED além dao sistema de iluminação diurna DRL.

Husqvarna 901 Norden Concept

A Husqvarna é uma das marcas que mais novidades apresenta no Salão EICMA de Milão, nada mais nada menos dos que 10 modelos novos. No entanto aquele que mais atenção despertou foi a Concept Bike apresentada sob o nome NORDEN 901, cujo objectivo é o de reforçar o seu compromisso com outros segmentos que não o tradicional e reconhecido do OffRoad, associado directamente à marca. A Norden 901 evidencia o seu posicionamento, e dado o sucesso das suas meias irmãs aventureiras da KTM, a 790 Adventure e Adventure R, a Husqvarna vem agora colocar a fasquia ainda mais alta com a sua 901, que utiliza certamente o novo propulsor anunciado pela KTM e que monta a também apresentada em Milão como modelo 2020, KTM 890 Duke R. No centro de todas as atenções no stand da Husqvarna em Milão está a NORDEN 901 e pelas suas linhas e design parece ser uma moto destinada à aventura e aos grandes espaço, digamos que uma Adventure mais Tourer do que Endurer, privilegiando o conforto do condutor para assegurar longas tiradas e certamente também garantir uma maior autonomia.

Indian FTR 1200 Rally

A Indian apresentou em Milão uma nova versão da sua FTR para 2020, a versão Rally.  A nova Rally tem por base a FTR de 2019 mas introduz um estilo mais retro combinado com um desempenho tecnológico actual. A Indian FTR Rally vem decorada com uma cor especial, Titanium Smoke, e inclui rodas de raios em alumínio, assento do tipo aviador em pele castanha, um écran pára-brisas específico e do tipo rally e monta pneus Pirelli Scorpion Rally STR. De origem monta Cruise Control, tomada USB para carregamentos rápidos, guiador da ProTaper colocado numa posição mais alta para aumentar o conforto do condutor e oferecer maior controle . A iluminação é de tecnologia LED tanto nos faróis como nos intermitentes. O seu motor de 1203cc , bicilíndrico em V, debita 93Kw de potência com um binário máximo de 120Nm, com uma curva de potência e binário considerável nos baixos e médios regimes para proporcionar uma condução divertida.

KTM 390 Adventure

Finalmente a tão falada e aguardada Trail com motor 390 da KTM é uma realidade e foi apresentada também no Salão EICMA em Milão esta tarde. A nova 390 Adventure de 2020 tem forte inspiração na sua irmã mais velha e bem sucedida 790 Adventure. O motor utilizado nesta nova Adventure é o monocilíndrico KTM 390, já utilizado nos modelos RC e Duke e que debita cerca de 44 CV, estando já de acordo com as limitações impostas pelo Euro 5.  A KTM 390 Adventure monta suspensões de longo curso invertidas da WP e roda dianteira de 19”, com jantes de liga. Surpreendente é o facto de a KTM ter incluído QuickShift nos dois sentidos , inédito num modelo deste segmento. A nível da electrónica a 390 Adventure conta ainda o Controle de Tração e ABS OffRoad ideal para rodar fora de estrada.

KTM 890 Duke

Com mais potência e binário graças ao aumento de cilindrada do novo motor, a 890 Duke R monta suspensões WP APEX  totalmente reguláveis e travões ainda mais potentes . Com uma ergonomia mais racing e agressiva a nova KTM 890 Duke R está especialmente destinada a aqueles motociclistas experientes que desejam uma arma letal para rodar em circuito nos Track Days ou desfrutar das emoções que transmitem a sua ciclística de excepção e motor com ainda mais potência e binário. A KTM 790 Duke continuará a coexistir com a sua irmã 890 Duke R, esta de características mais desportivas, sendo a primeira destinada para uma utilização mais quotidiana e a nova 890 R para uma utilização mais desportiva e para uma pilotagem mais agressiva.

KTM  1290 Super Duke R

Com um novo quadro que é três vezes mais rígido, um motor totalmente revisto que inclui agora componentes mais leves e electrónica que inclui um novo IMU de 6 eixos, a KTM 1290 Super Duke R de 2020 é ainda mais radical que o modelo anterior. O motor da Super Duke R continua sendo o conhecido LC8 de 2 cilindros em V a 75º, de refrigeração líquida e graças à introdução de novos elementos mais ligeiros atinge agora os 180CV de potência e um binário máximo de 140 Nm. O quadro representa no entanto a grande evolução do modelo de 2020 pois foi desenhado a partir de uma folha em branco tendo obtido uma rigidez final 3 vezes superior ao quadro do modelo anterior, tendo conseguido paralelamente uma redução de peso. Os travões são agora Brembo Stylema e as suspensões são WP APEX. A nível da electrónica também se introduziram novidades sobretudo com a nova unidade IMU de 6 eixos que permite medições em inclinação que actuam sobre o ABS e o controle de tração.

Moto Guzzi V85 TT Travel

Especialmente equipada para realização de grandes viagens a nova versão TT Travel da popular Moto Guzzi V85 herda a ciclística e o motor da versão normal da V85 mas melhora o conforto, com melhor equipamento e maior ergonomia, também maior proteção aerodinâmica, punhos aquecidos para os dias mais frios e malas laterais em alumínio com aplicações em plástico. A V85 TT Travel inclui um esquema cromático próprio, em tons de areia e negro mate e inclui como na versão normal luzes LED e possibilidade de utilizar a plataforma multimedia da Moto Gzzi MIA.

Moto Morini X-Cape

Uma das mais interessante e belas motos do segmento Adventure Touring era esta nova Moto Morini X-Cape. Com um novo motor bicilíndrico de 649cc, muito semelhante ao da Kawasaki Versys 650 a marca não declara porém  os dados de potência e binário. A X-Cape da Moto Morini inclui injecção electrónica Bosch Japan, braço oscilante em alumínio, roda de 17” na traseira e de 19” na dianteira, suspensão invertida de 50mm totalmente regulável, painel TFT a cores de 7” e parabrisas ajustável com apenas uma mão.

MV Agusta RUSH

Mais uma vez a MV Agusta deslumbrou todos os visitantes do Salão EICMA com mais um protótipo que verá a luz durante o ano de 2020… a RUSH 1000. A RUSH 1000 tem por base uma Brutale 1000 RR, esta também novidade de 2020, mas “revestida” num estilo ainda mais agressivo e alternativo, um pouco à imagem das motos de Drag. Todos os elementos foram redesenhados para lhe dar identidade, nomeadamente na traseira o conjunto do assento que envolve o farol traseiro, combinado com a colocação das duas ponteiras de escape da SC Project.  A RUSH incorpora uma série de elementos em fibra de carbono e peças mecanizadas que reforçam a sua imagem exclusiva. O motor é o já conhecido tetracilíndrico em linha com 1000 cc que debita “apenas “ 208 CV e que pode chegar aos 212 CV com um kit específico de potência. Em termos de electrónica a RUSH monta o que de mais sofisticado já foi desenvolvido para os modelos de topo da marca e inclui também suspensões electrónicas.

Suzuki V-Strom 1050

As novas Suzuki V-Strom 1050 de 2020, versão standard e versão XT, foram buscar inspiração à DR Big dos anos 80 e estão agora com um visual mais Adventure, sobretudo na versão XT que inclui jantes de raios. O motor bicilíndrico em V mantém a sua cilindrada de 1.037cc e assume a designação de 1050 agora compatível com as limitações do Euro 5, sendo que a sua potência se vê aumentada para os 106 CV. Para além da inovação estética e actualização do motor a Suzuki V-Strom de 2020 faz uma aposta clara na sua electrónica e a Suzuki desenvolveu um novo sistema apelidado de S.I.R.S. – Suzuki Intelligent Ride System, com modos de condução actualizados, controlo de de tração e um dispositivo melhorado de assistência no arranque que intervém subindo a rotação da moto quando necessário. A versão V-Strom 1050 XT  inclui  ainda uma unidade IMU que actua sobre o ABS e o Controle de Tração.

Triumph Bobber TFC

Main

A nova Triumph Bobber TFC é a terceira unidade produzida sob a sigla TFC – Triumph Factory Custom, um departamento especial que produz séries exclusivas das motos Triumph limitadas a um determinado número de unidades. É agora o caso da Triumph Bobber depois da Rocket 3 e da Thruxton, que aproveita o Salão de Milão para fazer a sua apresentação e revelar que será também ela uma série limitada a apenas 750 unidades. A adopção de componentes de alta qualidade está patente por exemplo nas suspensões Ohlins que monta, totalmente ajustáveis, e também na adopção de travões Brembo M50 Monobloco e nas ponteiras duplas da Arrow. A nível da sua motorização a Bobber TFC adopta o já conhecido bicilíndrico de 1200cc mas com um incremento de potência em 10CV e também no binário de 4 Nm superior à versão standard

Triumph Thruxton RS

A Triumph já tinha revelado o lançamento deste novo modelo da Triumph Thruxton para 2020, modelo que se situa entre a versão R e a mais exclusiva TFC ( Triumph Factory Custom ) e da qual herda alguns dos seus componentes. Com duas decorações especiais, com destaque para a versão cinza mate com riscas que lhe conferem um ar mais desportivo, acentuado pelo banco monolugar graças a uma tampa que cobre o lugar do pendura. A nova Triumph Thruxton RS conta ainda com um motor mais potente que a versão standard, com mais 8 PS tendo agora 105 CV às 7.500 rpm e um binário de 112 Nm às 4.250 rpm. Com suspensões Showa invertidas de 43mm, totalmente ajustáveis, e amortecedores traseiros Ohlins com reservatório “piggyback” a Thruxton RS conta com travões Brembo M50 com pinças radiais monobloco de 4 pistons e duplo disco dianteiro de 310mm.

Yamaha Tracer 700

2020_TRACER 700

Com uma carenagem completamente nova e uma nova frente agressiva, a nova Yamaha Tracer 700 é o tipo de máquina que consegue fazer praticamente tudo, seja perto ou longe, na cidade ou em estrada aberta. Impulsionado pela primeira versão Euro 5 do reconhecido motor CP2 de 2 cilindros e 689 cc, de 75 CV, o modelo de 2020 eleva o conceito desportivo de turismo a outro nível. Com um novo visual dinâmico e a melhor relação peso-potência da sua classe, juntamente com uma ergonomia melhorada e uma especificação geral mais elevada, a nova Tracer 700 foi concebida para impressionar.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!