Aprilia Shiver e Dorsoduro com Euro5?… uma questão de lógica

By on 3 Fevereiro, 2021

A Aprilia RS660 apresentada no final do ano passado, e o recente lançamento da Tuono 660 estão a deixar orgulhosos e felizes os responsáveis de Noale, pela aceitação imediata que está a acolher entre os fãs o seu moderno motor paralelo. Então, porque não aplicá-lo na Shiver e Dorsoduro, impedindo o desaparecimento de ambos os modelos por falta do Euro 5. É uma questão de lógica e de economia de recursos…     

APRILIA RS 660 MY 2021

Esta é uma ideia que tem sido posta nos bastidores até porque ambos os modelos, RS e Tuono, partilham o novo motor paralelo de 660cc Euro 5 que tem deixado a Aprilia orgulhosa, e de tal forma que o vão aplicar na próxima moto de aventura de peso médio: a Tuareg 660.

A RS660, tomou emprestado parte do estilo da RSV4 1100, enquanto a Tuono 660 replicou as formas da irmã maior Tuono 1100 – um pensamento simples, assente na lógica, mas também uma forma astuta de economizar custos e energias, tendo em conta os milhares de euros gastos no desenvolvimento do ‘mágico’ motor 660, ponto de união entre os dois modelos.

EVOLUIR OU MORRER

APRILIA SHIVER 900

Ainda não temos a confirmação, mas a mesma receita podia ser aplicada em dois modelos que ainda têm o desatualizado motor Euro 4: a Aprilia Shiver e Dorsoduro que assim dariam continuidade ao sucesso nos principais mercados do Velho Continente.

No entanto, para as fazer evoluir, a fábrica de Noale precisa como pão para a boca de um motor que responda às exigências das emissões Euro 5. Então, sendo impraticável num curto prazo a Aprilia atualizar o motor V-Twin 900 para cumprir com a normativa Europeia, não será de excluir uma atualização na Shiver e Dorsoduro, que renasceriam em força com uma unidade de 660cc, ou até um pouco mais de capacidade – porque não 700/750cc? – para entrar em concorrência com modelos recentes como as recentes Yamaha MT-07 e Tracer7 ou as BMW R nineT e F 750 GS.

APRILIA TUONO 660 MY 2021

O mais caro está feito e comprovado, o motor, precisaria apenas de um cilindro ligeiramente maior, e com a eletrónica que nos dias de hoje ‘faz maravilhas’ não seria complicado vermos a Shiver e Dorsoduro a ressuscitar para os seus muitos fãs – sem beliscar as vendas da RS660 e da Tuono 660.

De qualquer forma, um regresso da Shiver e Dorsoduro náo seria para tão breve quanto aquela que se perfila como a próxima ‘revolução’ de Noale: a próxima Tuareg 660.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x