Ducati Panigale V4 2021: Tutorial em vídeo – 2ª Parte

By on 13 Maio, 2021

‘Tech Talks’, uma série de tutoriais em vídeo da Ducati, explica as estratégias para otimizar a performance da mais recente Panigale V4. Se quer colocar em pista todas as virtudes da superdesportiva italiana, será bom, antes do fazer, conhecê-los ao pormenor.

Nesta 2ª Parte revelamos o que aconselham Alessandro Valia, piloto de testes da marca, e Carlo Maccarini, responsável de desenvolvimento da equipa de desenvolvimento SBK, sobre a utilização dos sistema de ABS Cornering, de comando da Suspensão Eletrónica Öhlins, do Ducati Traction Control EVO 3 e do Riding Mode da desportiva italiana. 

Nos vídeos gravados diretamente a partir do circuito de Misano Marco Simoncelli, ambos demonstram as características da desportiva Panigale V4 S, focando-se nas estratégias para um uso correto e consciente dos controlos eletrónicos disponíveis, com o objetivo de melhorar a performance em pista. Depois dos três primeiros vídeos que revelámos na 1ª Parte do Tech Talks Ducati, revelamos agora como tornar a Panigale V4 uma moto ainda mais fácil de pilotar em mais 4 sistemas de comando eletrónico geridos a partir da ECU, ou centralina. 

  • CORNERING ABS

O quarto vídeo é dedicado ao “Cornering ABS Apenas na Frente”, um sistema exclusivo Ducati, que apenas funciona sobre o bloqueio da roda dianteira e ajuda o piloto amador a travar mais perto do centro da curva, proporcionando-lhe uma ‘rede de segurança’ que mantém o veículo sempre bem equilibrado, com uma distribuição de peso acertada e a carga dianteira correta. Esta característica da Panigale V4 permite uma melhoria significativa do tempo por volta.

  • COMANDO DA SUSPENSÃO ELETRÓNICA

O quinto vídeo da série fala acerca do “Comando da Suspensão Eletrónica Öhlins”, ou antes o sistema de suspensões semiativas “event based” que a Panigale V4 tem. O algoritmo desenvolvido pela Ducati em conjunto com a Öhlins é preditivo, por isso pode reconhecer várias fases da pilotagem (aceleração, travagem e meio da curva). O sistema de suspensão está disponível em dois modos: fixo e dinâmico. O último permite ter uma moto mais suave e intuitiva, mas, ao mesmo tempo, oferece a assistência necessária quando o piloto dela precisa. Ao travar, por exemplo, a forquilha disponibiliza o máximo apoio na fase de compressão, colocando assim uma moto mais estável e precisa nas mãos do piloto.

  • CONTROLO DE TRAÇÃO DUCATI EVO3

O sexto vídeo foca-se no funcionamento do “Ducati Traction Control EVO 3”, a unidade de controlo de tração da Panigale V4. Este novo sistema ajuda o piloto em todas as fases de aceleração, acrescenta segurança e, ao mesmo tempo, permite explorar ao máximo a performance do motor. O DTC EVO 3 também acrescenta a fase de recuperação a meio da curva ao sistema de previsão de deslizamento construído pelo algoritmo do DTC EVO 2. O sistema é, de facto, capaz de reconhecer esta fase e, em consequência, reduz a tração de um modo não intrusivo, de modo a não se perder a posição no assento nem a trajetória.

  • RIDING MODE

O sétimo e último vídeo, intitulado “Definições de Riding Mode”, mostra todas as definições de disponíveis para a Panigale V4. Para 2021 a Ducati escolheu desdobrar o Riding Mode Race em Race A e Race B, para oferecer aos entusiastas um leque de escolhas ainda mais amplo e a possibilidade de customizarem os controlos de acordo com as necessidades do momento e os diferentes tipos de circuitos. A duplicação do Riding Mode Race permite ao piloto fazer estes dois sistemas diferirem mesmo que apenas num único parâmetro, e verificarem a sua eficácia durante a fase de pilotagem, mas também mudar a atitude da moto baseando-se no desgaste dos pneus e nas condições da pista.

Todos os sete episódios estão agora disponíveis numa secção própria no site Ducati.com. Os primeiros dois episódios já foram publicados no canal de YouTube da marca de Borgo Panigale, onde os 5 restantes vídeos serão disponibilizados durante o presente mês de maio.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments