Kawasaki Z H2 e Z H2 SE 2023: Duas opções, a mesma filosofia

By on 12 Outubro, 2022

Uma boa notícia para os amantes da potência bruta, foi a renovação da aposta para 2023 nas naked Z H2 e Z H2 SE, sem alterações relevantes em relação ao modelo atual, mas com a estreia de novas cores.

Aproveitando a tecnologia exclusiva do ‘supercharger’ desenvolvido internamente pela Kawasaki para a Z H2 com 200 cavalos de potência  (147,1 kW) anunciados e para a sua irmã Z H2 SE, ambas apresentam especificações impressionantes, com uma variedade de tecnologia e auxílios de condução que justificam posições na vanguarda do segmento de motos naked.

KAWASAKI Z H2 2023

Para a Z H2, isso significa recursos como o pacote eletrónico aprimorado da IMU, incluindo o cruise control eletrónico, o controle de tração, a seleção do modo de potência, o controle de partida, além de outros itens de primeira linha, como uma caixa rápida de duas vias travagem integrada, além de uma embraiagem assistida e deslizante.

KAWASAKI Z H2 SE 2023

Em particular e no que diz respeito à travagem, a Z H2 beneficia das pinças Brembo M4.32, enquanto a Z H2 SE possui as mais recentes pinças Stylema da empresa italiana, juntamente com a suspensão amortecida eletronicamente da Showa com tecnologia Skyhook de última geração, projetada para manter a moto altamente estável enquanto a suspensão absorve as irregularidade à superficie da estrada.

Ambas as motos beneficiam de um quadro de tubo de treliça derivado da Ninja H2 e toda a iluminação LED integrada ao estilo exclusivo Sugomi, onde a visão do condutor é dominada pelo guiador do tipo generoso em largura e pela tela TFT colorida com conectividade para o smartphone, permitindo que os utilizadores usem a versão dois do aplicativo Kawasaki Rideology.

Some-se a isto a almofada do depósito de gel, a tampa do assento com código de cores e silenciador de escape de titânio Akrapovič, e a escolha de qual Z H2 escolher fica ainda mais difícil.

Por fim, no que respeita às  novas cores  desenvolvidas para as Z mais poderosas da linha naked, a marca optou aqui por reduzir o verde com uma nova pintura preta e cinza da Z H2, que não lembra mais a cor favorita do fabricante, exceto no quadro, jantes e alguns autocolantes discretos. A SE assume a cor base, mas com o spoiler inferior do motor tingido a verde e com as laterais do assento na mesma cor.

Os preços para a gama de 2023 ainda não foram especificados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments