Yamaha Ténéré 700 Rally Racer: um projeto para o offroad extremo

By on 12 Agosto, 2020

DA COLABORAÇÃO ENTRE A GESSI MOTO E O DESIGNER OBERDAN BEZZI NASCE UM PROJETO INDEPENDENTE PARA TORNAR A TÉNÉRÉ 700 IDEAL PARA O OFF-ROAD MAIS EXTREMO.

No ano em que a Ténéré 700 foi apresentado no Salão de Milão, há pouco menos de dois anos atrás, falava-se então dos dados técnicos, posicionamento no mercado, objetivos e preços. Diante de uma concorrência mais apetrechada (mas também muito mais cara), a recém-chegada foi chamada de uma “enduro” ocasional, uma moto básica, já perfeita para a combinação entre o uso diário e o despenho na lama e poeira, com custos sempre razoáveis no equipamento.

No entanto, surge agora um novo projeto, significativamente mais ambicioso, independente da marca, promovido por Oberdan Bezzi em colaboração com a Gessi Moto.

UMA SÉRIE ESPECIAL

O objetivo é criar uma série limitada (e personalizável, em caso de necessidades especiais), pronta para competições de rally ou uso off-road, mesmo particularmente difíceis. A moto também pode ser totalmente fornecida “despida”, com todos os materiais à vista; além de poder receber uma pintura e uma decoração “dedicada”, de acordo com um programa totalmente personalizado.

A Gessi Moto acha que a Ténéré 700 Rally Racer deve ser trabalhada especialmentre na ciclística, subestruturas e ergonomia, com intervenções voltadas para uma maior “especialização”.

AS MODIFICAÇÕES A APLICAR

Partindo do motor e do chassis de série da Ténéré 700, a Rally Racer recebe componentes de corrida, suspensões com curso aumentado, travões mais potente, aros mais robustos e também, um novo garfo com alavancas modificadas. A isto soma-se o novo escape race e todas as modificações necessárias para tornar mais rentável o desempenho no offroad mais exigente.

Já no que respeita às subestruturas, destacam-se os dois depósitos separados, construídos em alumínio e de grande capacidade, além de um depósito “transportador”, também feito de alumínio, com a função de uma “moldura” do assento. Um conjunto cuidadosamente projetado para não interferir na posição de pilotagem, ou para dificultar os movimentos na sela. Todos os outros componentes são fornecidos em carbono/kevlar muito leve, para maximizar o peso total do veículo.

A fim de manter uma estética o mais semelhante possível ao original (o que foi muito bem sucedido pelas imagens) , sempre que possível, são mantidos os componentes de mais identificação da Téneré, como a cúpula e o farol dianteiro.

A RAINHA NEGRA DO DESERTO

Preto e charmoso, é então a versão “Marfim Negro”, fornecida como um espécime único e, como tal, irreplicável mesmo a pedido. Uma sedutora “rainha negra do deserto”, pronta para acabar nas mãos do primeiro a fazer uma reserva.

UM PROJETO INDEPENDENTE

Por último devemos falar no designer, da autoria do indiano Oberdan Bezzi que coloca na imagem algumas das suas motos  mais criativas, depois de começar por redefinir na prancha uma Suzuki SV650 e querer fazer reviver a Kawasaki KLR 650 com desenhos que percorreram o mundo.

No entanto, porque neste projeto Rally Racer, a ‘produção’ está a cargo de um conceituado customizador italiano, a Gessi Moto hoje especializada em motos café racer mas que no passado fez alguns protótipos da Honda Dominator com sucesso para o Rali Dakar, é de crer que este projeto independente se possa vir a materializar em breve.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments