Paris: Tarifas exorbitantes para motos na Cidade-Luz

By on 17 Junho, 2021

A metrópole francesa também exigirá taxas de estacionamento aos proprietários de motos a partir de 2022. Mas apenas para quem estaciona um veículo de duas rodas com motor de combustão. As motos elétricas não serão abrangidas. 

Paris, sob o comando de sua prefeita Anne Hidalgo, há muito que declara guerra ao imenso volume de tráfego na capital francesa. A última incursão atinge os motociclistas.

Depois de muitos utilizadores das vias de Paris e arredores mudaram para os veículos de duas rodas, como forma de escapar do caos diário do tráfego, precisamente esses veículos de duas rodas (e também os de três rodas) parecem ser agora o alvo preferido do município da cidade-luz. 

Taxas de 2 a 3 Euros

Existem muito poucos lugares de estacionamento especiais para motos em Paris, por isso as pessoas estacionam onde quer que o lugar permita. Para tentar controlar o problema, solução foi criar novas taxas de estacionamento. Assim, a edilidade gerida por Anne Hidalgo, anunciou que serão cobradas taxas de estacionamento para todos os veículos motorizados de duas e três rodas a partir de 2022, desde que tenham um motor de combustão. Dependendo da área urbana, esses valores deverão ser de 2 a 3 euros por hora. 

No entanto, não devem ser criados novos lugares de estacionamento para motociclos. as nova tarifas também vão incidir sobre o estacionamento de automóveis, cuja tarifa vai aumentar em cerca de 70%, com esse aumento a começar já em agosto de 2021! 

Se a moda pega… 

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments