Aniversário – 40 anos da icónica BMW GS

By on 15 Julho, 2020

UM CONCEITO DE MOTO TÃO ICÓNICO COMO SOFISTICADO CELEBRA O SEU ANIVERSÁRIO EM 2020: OS MODELOS BMW GS ESTÃO A FAZER 40 ANOS.

No Outono de 1980, a BMW apresentou a R 80 G/S, uma moto que combinava pela primeira vez duas áreas muito especiais de condução: Off-road e on-road. Graças à sua combinação única de capacidade estradista, turística e todo-o-terreno – sem comprometer a utilização diária – a R 80 G/S tornava-se a precursora conceptual da nova categoria de motos trail-touring criadas pela BMW Motorrad.

E a fama dos modelos BMW GS rapidamente se propagou nas décadas seguintes, tendo a marca bávara entregue até à data mais de 1,2 milhões de motos deste modelo aos seus clientes.

GS: Gelände/Straße (“terra”/”estrada” ou “asfalto”)

A R 80 G/S e as suas descendentes também provaram rapidamente as suas qualidades nas provas africanas.

Em 1981, Hubert Auriol cavalgou até à vitória no igualmente prestigioso e desafiante Rally Paris – Dakar. Este foi apenas um dos muitos sucessos do desporto motorizado que a BMW celebrou com a GS. As vantagens dos modelos GS boxer – dinâmica de pilotagem, domínio off-road, conforto e robustez – foram continuamente mantidos e desenvolvidos pela BMW nos últimos 40 anos e transferidos com sucesso para outras séries de modelos BMW Motorrad.

Em 1993, a F 650 “Funduro” foi a primeira monocilíndrica da BMW a chegar ao mercado. Enquanto esta moto extraia a sua dinâmica de condução do seu baixo peso e do impulso do cilindro único de 47 cv, a mudança da guarda teve lugar simultaneamente nos modelos BMW GS com motor boxer.

Tecnologia de quatro válvulas e Telelever

Com a BMW R 1100 GS, a BMW não só apresentou a primeira GS com um boxer de 4 válvulas e saída de 80 cv, mas também trilhou novos caminhos no que diz respeito à tecnologia de suspensão para maxi-trails. Pela primeira vez numa moto deste tipo o motor e a caixa de velocidades atuavam como elementos de suporte de carga do chassis, tornando supérfluo um quadro principal.

Enquanto o sistema de suspensão traseira da BMW Paralever já tinha eliminado as reacções de tração do eixo nos modelos com o boxer de duas válvulas anos antes, os engenheiros da BMW tinham agora criado uma forma inovadora de guiar as rodas dianteiras utilizando a suspensão Telelever. Com a compensação do passo e a resposta altamente sensível, estabeleceram novos padrões nesta área. Além disso, a R 1100 GS foi a primeira maxi-trail de sempre a ser equipado com ABS – uma mais-valia de segurança que é agora equipamento de série em todas as motos BMW.

Os modelos GS da série F: o fascínio GS pela gama média

Para além de numerosos novos e futuros desenvolvimentos, incluindo a F 650 GS (monocilíndrica com injecção electrónica de combustível, conversor catalítico e ABS), que foi fabricada em Berlim a partir do ano 2000, os modelos F 650 GS e F 800 GS lançados em 2007 marcariam outro marco notável na história da BMW GS. Com o seu potente motor em linha de 2 cilindros de alto torque e estrutura tubular torsionalmente rígida, interpretaram o tema BMW GS de forma própria, mas muito típica da BMW. Com estes novos modelos, a BMW não só apresentou as sucessoras da extremamente bem sucedida F 650 GS com o seu motor de um cilindro, mas ao mesmo tempo expandiu a oferta trail na gama média.

Boxer DOHC avançado com duas árvores de cames suspensas

No Outono de 2009 a BMW apresentou outro destaque com o lançamento da BMW R 1200 GS revista. Agora equipada com o boxer DOHC ainda mais livre com duas árvores de cames suspensas por cilindro, passava a oferecer 110 cv e uma dinâmica de condução ainda mais avançada. No ano de aniversário de 2010, a BMW prestava homenagem ao 30º aniversário dos modelos GS e ao seu sucesso tanto na produção de motos como no desporto motorizado com os modelos especiais “30 Anos GS” da BMW R 1200 GS, R 1200 GS Adventure, F 800 GS e F 650 GS pintados nas cores corporativas da BMW Motorrad Motorsport.

E segue a história de sucesso dos modelos GS no Outono de 2010. Com a BMW G 650 GS, a BMW Motorrad acrescentou mais um membro atraente à família BMW GS. Graças à sua estatura delgada e rija fora de estrada, a nova trail monocilíndrica parecia ousada, leve e aventureira. Ao mesmo tempo, destacava-se claramente dos seus concorrentes em termos de qualidade, equipamento e conforto. Em combinação com o seu peso comparativamente baixo e a altura reduzida do assento, foi a atractiva moto de entrada no mundo do motociclismo e no fascinante mundo de experiência da BMW GS.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x