Seguradora diz que acidentes com motos não são motivados por falhas técnicas

By on 16 Novembro, 2021

Dos mais de 18.000 sinistros de seguro estudados durante o período de 2016-2020, menos de 0,4% das motos foram relatadas como perigosas nos relatórios de especialistas, muitas vezes por causa dos pneus que atingiram o indicador de desgaste do piso do pneu. Isso torna a inspeção técnica obrigatória para motos, inútil e ineficaz, de acordo com a organização francesa de motociclistas FFMC.

Yannick Bournazel, da Mutuelle des Motards afirma que “das mais de 18.000 reclamações estudadas durante o período de 2016-2020, menos de 0,4% das motos foram relatadas como perigosas nos relatórios dos especialistas, muitas vezes por causa dos pneus que atingiram o indicador de desgaste do piso do pneu. A implementação de uma inspeção técnica seria, portanto, ineficaz na redução de acidentes. A ua única finalidade seria penalizar o uso de peças adaptáveis, que não tenham nexo causal comprovado em relação ao acidente ”.

“Não esqueçamos que a principal causa de morte continua a ser a vulnerabilidade a outros utilizadores e que em 67,5% dos casos o motociclista não é responsabilizado. Se queremos realmente agir em caso de sinistro, é na partilha da estrada e na sensibilização do utilizador que devemos intervir, e não principalmente nas raras causas técnicas. Esse é o papel das seguradoras.”

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments