Honda prepara uma nova Super Blackbird para 2020 ?

By on 9 Dezembro, 2019

Durante mais de uma década, de 1996 a 2007, a Honda CBR1100XX, também conhecida por Super Blackbird, fez frente às potentes motos da concorrência como a Suzuki Hayabusa, a Kawasaki ZZR 1400 e outros modelos entretanto também descontinuados, ou em vias de, no caso da ZZR 1400.

As vendas das superdesportivas de grande cilindrada e peso caíram a pique, com o crescimento de outros segmentos de mercado, nomeadamente das motos Adventure, e o investimento dos fabricantes em fazerem evoluir os antigos motores para enfrentarem as cada vez mais exigentes normas Euro não justificavam serem realizados. Os tempos porém parecem estar a mudar e a evolução tecnológica permite agora conseguir motores igualmente potentes e dentro das restrições impostas pelo actual Euro 5.

Marcas como a Kawasaki, que tem investido no desenvolvimento de motores de tecnologia turbo, tem vindo desenvolver novos modelos no segmento Sport Tourer que integram as motorizações das suas superdesportivas, como é o caso das novas Ninja H2 SX e SX SE, com motores sobre alimentados e a Z1000SX com motor da superdesportiva ZX10R. Corre também o rumor de que a Suzuki pretende recuperar a Hayabusa e lançar um novo modelo dentro do segmento Sport Tourer.

A Honda desde 2007 que praticamente abandonou este segmento, tal como já o tinha feito com as Pan-European, não tendo feito evoluir os anteriores modelos nem apresentado outros para os substituir, mantendo a inovação apenas no segmento das Adventure Sport e das Sport Adventure com as Africa Twin e as Crosstourer 1200 e Crossrunner 800, estas últimas com motores V4.

De acordo agora com nova informação que nos chega parece ser que a Honda está a ponderar reavivar o segmento das Sport Tourers com uma nova “Super Blackbird”, dado que os desenhos constantes nas patentes agora reveladas parecem indicar que se trata de um modelo com essas características.

Ao analisarmos os desenhos constatamos uma carenagem frontal bastante envolvente o que deixa perceber que se trata de uma moto desportiva e preparada para atingir altas velocidades, realidade que é também reforçada com o facto da mesma integrar pequenos “ailerons” laterais, tecnologia que provém do MotoGP.

Quanto a motorização não existe qualquer informação mas provavelmente será uma evolução do actual motor da nova e fantástica CBR1000RR , ou mesmo da sua versão anterior. Para já não se sabe mais e inclusivamente nem podemos confirmar se este novo modelo irá carregar o mítico nome da Super Blackbird. Temos que aguardar mais informação mas já se sabe… ” onde há fumo…”

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!