Nova Triumph Scrambler 1200 – Apresentação ainda em 2018 ?

By on 30 Maio, 2018

De acordo com as fotos espia captadas pelos nossos colegas da MCN, parece ser que a Triumph está a desenvolver uma nova Scrambler com motor 1200, certamente o motor que montam agora a Bobber e a Bonneville T120.

Com o relançamento da Bonneville com motor 1200 de arrefecimento líquido, a Scrambler passou a designar-se “Street Scrambler” e manteve o motor de 900 cc da T100. De acordo com as imagens que foram captadas parece ser que a Triumph tem estado a desenvolver um novo projecto de uma nova Scrambler, com mais potência, com suspensões de maior curso e mais aptas para o todo-o-terreno.

Pelo que podemos observar o motor parece ser o mesmo 900cc a injecção mas poderá evoluir para o 1200cc e arrefecimento líquido da T120 e da Bobber. Ou seja dos  54 CC da actual Street Scrambler passaríamos a ter uma Scrambler agora com 76CV e muito mais binário a baixa rotação tornando a condução off-road mais suave e controlável. Haverá sempre a possibilidade de manter o mesmo motor de 900cc num setup de ciclística mais adaptada ao TT, mas as duas possibilidades estão em aberto e veremos qual será a opção final da Triumph até porque a sua concorrente mais directa, a Ducati Scrambler, lançou em Novembro passado a sua versão 1100cc com 86 CV e a Desert Sled de motor 800cc e 73CV , esta última com setup mais Off-Road, daí pensarmos que a Triumph irá certamente utilizar o novo motor de 1200cc ( ou mesmo até ambos ).

Nas imagens também nos apercebemos da montagem de travões de duplo disco com pinças Brembo para assegurar maior eficiência considerando a maior potência e peso do conjunto. Se considerarmos que a actual Street Scrambler já inclui Ride-by-Wire com controle de tração e travões assistidos por ABS, não será de estranhar que uma possível versão de 1200cc venha a incluir também modos de motor e possivelmente um mais adaptado à condução off-road.

Scrambler 900 com preparação Off-Road

Mas existe também evolução ao nível das suspensões , inevitável para que a Scrambler possa ter maior curso e proporcionar uma condução mais agressiva fora de estrada. Pelo que podemos constatar as suspensões são agora Showa invertidas, certamente com um curso próximo aos 200mm, ao contrário das da Street Scrambler que são telescópicas tradicionais com foles e têm apenas 120mm de curso. Também os amortecedores traseiro parecem ter evoluído a avaliar pelos dois amortecedores Ohlins que monta a versão na imagem e que inclui um braço oscilante reforçado e mais longo.

Scrambler 900 com preparação Off-Road

Também ao nível dos rodados parece haver evolução já que na dianteira a montagem de uma roda de 21” em vez da actual de 19” define claramente a maior aptidão para o todo-o-terreno da nova Scrambler. Vemos também que as rodas mantêm-se raiadas mas os raios são tangenciais aos aros pelo que faz adivinhar que os pneus poderão ser tubeless.

Outros pormenores como as proteções de mãos no guiador, proteção de carter no motor, proteções laterais do motor etc… definem claramente uma preparação para uma utilização mais fora de estrada. O estilo mantém-se dentro das linhas clássicas da gama Triumph, com o banco em pele e um farol frontal minimalista e painel de informação também de dimensão contida.

Scrambler 900 com preparação Off-Road

Finalmente se considerarmos que a Triumph no último ano lançou nada mais nada menos que 17 novos modelos, é de esperar que o aparecimento de uma nova Scrambler possa estar eminente ou o mais tardar no Salão EICMA em Milão no próximo mês de Novembro. O seu preço andará certamente próximo dos PVPs actuais das Bobber ou Thruxton.

 

Fonte: MCN

 

 

 

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!