Yamaha na onda das scooter ‘Adventure’ com a nova BW’s 125

By on 2 Novembro, 2020

A NOVA BW’S FOI REVELADA EM TAIWAN COM UM NOVO VISUAL ‘ADVENTURE’, EQUIPADA COM UM MOTOR MONOCILÍNDRICO DE 125CC, PNEUS MISTOS, 127 KG E RODAS DE 12 POLEGADAS”.

Ao longo da década de 1990, a MBK teve um sucesso fenomenal com sua scooter Booster e, enquanto isso a BW’s 50 comercializado pela Yamaha não parou de ter sucesso, evoluindo até 2016, ano em que deixou de fazer parte da gama do fabricante japonês. Agora, a marca dos três diapasões apresentou uma mudança radical no conceito e posicionamento quando apresentou a sua nova BW’s em Taiwan.

Primeiro, e não menos importante, a BW’s deixa o mundo dos ciclomotores (50cc) para passar a fazer parte do universo da Scooters 125 com um motor monolíndrico de 125 cm3. A arquitectura do motor é simples, uma árvore de cames à cabeça e arrefecimento líquido que em tudo se assemelha à unidade que serve a NMax 125, contando ainda com uma distribuição variável.

Mas, acima de tudo, a BW’S distancia-se do seu estatuto de pequena utilitário urbana, adotando um posicionamento semelhante ao da futura Honda ADV 150, prometendo boas performances dentro e fora da estrada.

O estilo muda completamente e fica mais próximo do de uma BMW C400X, com linhas muito geométricas e um perfil reduzido ao mínimo, tão minimalista quanto possível. Os pneus são de perfil misto e o guarda-lamas dianteiro longo reforça a sua orientação off-road, apesar de preservar os pequenos aros de rodas de 12 polegadas.

A parte-ciclística está baseada num quadro com estrutura tubular em aço, associada a uma forquilha telescópica convencional, dois amortecedores traseiros e travões de disco de 245 mm e 230 mm para um peso total anunciado de 127 kg. Os valores de binário e potência ainda não foram anunciados.

A grande questão, obviamente, diz respeito à comercialização deste modelo na Europa, porque de momento parece apenas virado para os mercados asiáticos.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments