Confirmado: Harley-Davidson Bronx não surgirá em 2021

By on 19 Agosto, 2020

A STREETFIGHETER BRONX NÃO VERÁ A LUZ DO DIA EM 2021, UMA VEZ QUE A HARLEY-DAVIDSON CONFIRMA QUE, EM VEZ DISSO, SE CONCENTRARÁ NA ADV PAN AMERICA.

Tendo questionado responsáveis da Harley-Davidson para comentar o provável desaparecimento da Bronx, os nossos colegas da Visordown confirmaram que a Bronx não verá a luz do dia em 2021 como previsto inicialmente.

“O foco imediato do novo produto da Harley-Davidson em 2021 será o lançamento da Pan America, a nossa primeira moto Adventure Touring. Para garantir um excelente lançamento para a Pan America, não lançaremos a streetfighter do Bronx no próximo ano.”

O que está claro é que o Pan America ADV está a caminho, o que ainda representa uma grande mudança no modus operandi da Harley-Davidson.

Já não é segredo que a firma de Milwaukee está a atravessar uma grande mudança, após uma completa reestruturação de gestão, que por sua vez se reflete numa diferente filosofia no que respeita a futuros modelos, e parece que a primeira vítima poderá ser a streetfighter Bronx.

Como tudo começou…

Revelada no EICMA de Milão em 2019 ao lado do Pan America, ambas fazendo uso de um novíssimo V-Twin a 60 graus, com uma versão de 975cc na Bronx e a maior de 1250cc para a Adventure, desde então, ambos os modelos apareciam na página ‘Future Vehicles’ no site da Harley-Davidson… até agora!

Porque neste momento apenas a Pan America, as High-Performance Custom e Electric Bikes aparecem no micro site.

E a Bronx? Aparentemente, será lícito presumir que será a primeira vítima da estratégia de reconfiguração da empresa apelidada de “Hardwire”, lançada pelo novo CEO Jochen Zeitz.

Quando assumiu oficialmente o comando da Harley-Davidson em julho, revelou que a estratégia da Hardwire vai simplificar os modelos e voltar-se de novo para os principais modelos da Harley-Davidson, ou seja, as suas tourings e customs:

“Estamos a agilizar os nossos modelos de motos em aproximadamente 30%, com planos de refinar ainda mais nosso portfólio de produtos. Isso permite-nos investir nos produtos e plataformas que mais importam, ao mesmo tempo em que equilibramos melhor o nosso investimento em novos segmentos de alto potencial. Nesse contexto, planeamos expandir a nossa oferta de motos mais icónicas, aquelas que mais incorporam o espírito da Harley-Davidson.”

Poderá a Harley-Davidson Bronx surgir numa versão de maior cilindrada, ou desaparecer?

É bem conhecido que esta mudança estratégica na Harley-Davidson é o resultado direto do deslizamento de vendas e lucros, dificultado por fatores como uma base de clientes envelhecida e preços caros no exterior, que têm dissuadido potenciais proprietários mais jovens.

A tão propagada LiveWire deveria inaugurar uma nova era para a Harley-Davidson, com a Bronx e a Pan America, o próximo passo para entrar em novos segmentos do mercado. No entanto, com a LiveWire a ter uma recetividade bastante no campo das motos elétricas tradicionais, a Harley-Davidson parece interessada em voltar ao que sabe melhor.

De facto, enquanto a Pan-America parece estar sobrevivendo ao chop (por enquanto) porque o seu motor grande é mais condizente com outros modelos e o mercado ADV tem um apetecível potencial, a Bronx – que entra em confronto direto com a Ducati Streetfighter V4 – está num campo de menores vendas e parece mais dispensável.

Mesmo assim, tendo desenvolvido um motor totalmente novo para ambos os modelos, a pergunta que fica é se a Bronx poderá regressar numa configuração diferente (talvez com mais cilindrada) por forma a capitalizar o custo de desenvolvimento já gasto.

Uma questão que, obviamente, aguarda por um esclarecimento oficial da marca.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x